sicnot

Perfil

Mundo

Medo de nova rutura de barragem no Brasil aumenta zona de segurança

O medo da rutura de uma terceira barragem na cidade brasileira de Mariana, no estado de Minas Gerais, fez as autoridades aumentarem a zona de segurança restrita ao acesso da população de três para dez quilómetros.

(arquivo)

(arquivo)

© Ricardo Moraes / Reuters

"A barragem Germano trincou [rachou] e há risco de rompimento [rutura]", afirmou o tenente Sebastião Nogueira, do Batalhão de Choque da 3.ª Companhia de Missões Especiais de Lagoa Santa, citado pelo jornal O Estado de Minas.

Duas barragens da empresa Samarco, participada da mineradora Vale, romperam-se na última quinta-feira e a lama com resíduos de minérios invadiu a localidade de Bento Rodrigues, deixando pelo menos oito mortos, 20 desaparecidos, e 158 casas destruídas, segundo um balanço divulgado hoje pelas autoridades.

Das oito vítimas fatais encontradas, cinco foram identificadas, incluindo duas crianças, de cinco e sete anos. O acesso ao distrito de Bento Rodrigues está completamente bloqueado por polícias militares.

Os bombeiros mudaram a estratégia de buscas face à instabilidade da terceira barragem, e os moradores que seguiam para suas casas, para tentar buscar pertences abandonados no momento das ruturas da quinta-feira, foram impedidos de seguir, ainda segundo o diário de Minas Gerais.

Três abalos sísmicos foram sentidos na região na manhã de terça-feira, segundo o Observatório Sismológico da Universidade de Brasília, citado pelo portal de notícias G1. Ainda não há a certeza sobre se os tremores são naturais ou desencadeados pela rutura dos reservatórios.

A empresa Samarco informou a imprensa local que faz obras para dar mais estabilidade à mina e que irá instalar sismógrafos em pontos estratégicos das barragens.

O Governo federal brasileiro reconheceu hoje, em decreto publicado no Diário Oficial, a situação de emergência em Mariana, o que facilita a alocação de recursos para a área.

A lama com resíduos de minério atingiu o Rio Doce e está a chegar a outras cidades de Minas Gerais e do Estado vizinho do Espírito Santo. Em Governador Valadares, foi decretado estado de calamidade pública, pois o abastecimento de água foi comprometido pela contaminação.

Lusa

  • 6 polícias feridos e 4 detidos em manifestação pela morte de português em Londres
    1:29

    Mundo

    A manifestação começou ainda durante a tarde deste domingo, na capital britânica e culminou em violência, com 6 polícias feridos, 4 pessoas detidas e a evacuação de uma das principais estações de transportes da zona leste da Londres. Os manifestantes acusam a polícia britânica de agressão na noite de 15 de junho, quando um português, de 25 anos, foi mandado parar pela polícia. O jovem acabou por morrer no hospital 5 dias depois.

  • Novo avião da TAP a lembrar o passado
    1:32
  • Avião cruza-se com drone a 900 metros de altitude
    2:01

    País

    Um avião da TAP voltou a cruzar-se este domingo com um drone, enquanto se preparava para aterrar no aeroporto de Lisboa. A aproximação deu-se a 900 metros de altitude e passou muito perto da asa da aeronave. Este é o 10.º incidente com drones este ano e o 6.º este mês.

  • Bruno Fernandes já está em Lisboa
    4:53

    Mercado de transferências

    Bruno Fernandes já está em Lisboa a dar autógrafos com a camisola do Sporting. André Moreira, guarda-redes do Atlético Madrid, oficializado em breve no Benfica. Eis as últimas do mercado de transferências, por Gonçalo Azevedo Ferreira.

  • Os russos adoram Portugal
    2:48

    Taça das Confederações

    Os portugueses que foram à Rússia para a Taça das Confederações ficaram surpreendidos pela forma calorosa com que todos foram recebidos. Cristiano Ronaldo é o grande responsável por esta paixão pelo nosso país.

    Enviados SIC

  • O último adeus a Miguel Beleza

    País

    O velório do economista e ex-ministro das Finanças realiza-se esta segunda-feira na Igreja do Campo Grande, em Lisboa, a partir das 18h00.