sicnot

Perfil

Mundo

Rússia confirma bomba a bordo do avião que caiu no Egito

O Kremlin revelaram hoje que encontraram vestígios de explosivos nos destroços do avião que caiu no Egito, com 224 pessoas a bordo, a 31 de outubro. "Não há dúvidas de que foi um ato terrorista", concluiu o chefe dos serviços de informação russos, Alexander Borthikov. Putin já reagiu, com a necessidade de intensificar os ataques aéreos na Síria, contra o Estado Islâmico.

KHALED ELFIQI

De acordo com a investigação do FSB, o antigo KGB, , o Airbus A321 foi desintegrado no ar por uma bomba artesanal equivalente a um quilo de TNT.

Já tinham sido também analisadas as caixas negras que confirmavam que não se tratou de uma falha mecânica do aparelho.

Numa primeira reação, Vladimir Putin disse que o assassínio de russos no avião que caiu no Sinai está entre os "crimes mais sangrentos de sempre".

"A ação militar da nossa aviação na Síria, não só deve ser continuada, como também intensificada, para que os criminosos percebam que a punição é inevitável", afirmou Putin.

A 31 de outubro, um Airbus A-321 despenhou-se no Egito com 224 pessoas a bordo, a maioria russas. O aparelho era operado pela companhia MetroJet e tinha saído de Sharm el-Sheikh rumo a São Peterburgo.

  • Manuel Valls diz que Trump fez declaração de guerra à Europa

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro francês Manuel Valls, aspirante a candidato socialista às presidenciais deste ano, considerou esta segunda-feira como uma "declaração de guerra" as afirmações do futuro Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre a União Europeia.

  • Morreu o último homem que pisou a Lua

    Mundo

    O astronauta norte-americano Eugene Cernan, o último homem a pisar a Lua, morreu esta segunda-feira aos 82 anos, informou a agência espacial norte-americana, NASA.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.