sicnot

Perfil

Mundo

Cinco sírios que tentaram entrar nos EUA com passaportes falsos detidos nas Honduras

As autoridades de Honduras prenderam cinco sírios com passaportes falsos que tentavam chegar aos Estados Unidos, disse esta quarta-feira o porta-voz da polícia local, Anibal Baca.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Shannon Stapleton / Reuters

"Cinco cidadãos sírios foram detidos e serão transferidos para as nossas instalações para serem investigados", declarou Anibal Baca aos órgãos de comunicação locais, acrescentando que os homens, ainda jovens, eram portadores de documentos falsos, "passaportes roubados na Grécia".

De acordo com o porta-voz policial, os jovens sírios foram detidos terça-feira no aeroporto de Toncontin, na capital, tendo viajado da Síria "diretamente para as Honduras".

Os detidos viajaram em diferentes voos, prevendo encontrar-se em San Pedro Soula, a segunda maior cidade hondurenha, de onde planeavam tentar entrar nos Estados Unidos, já que há voos de San Pedro Soula para Los Angeles, Houston e Miami.

Os cinco homens foram detetados pelos agentes de segurança do aeroporto e ficaram ao cuidado das autoridades de imigração.

Lusa

  • O dia em que o Brexit começa
    1:25

    Brexit

    A primeira-ministra britânica já assinou a carta que vai enviar ao Conselho Europeu para formalizar a vontade do Reino Unido de sair da União Europeia. O artigo 50.º do Tratado de Lisboa será ativado nas próximas horas. Na véspera, Theresa May recebeu da Escócia um novo contratempo político.

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45
  • Relação de Portugal com Angola é "insubstituível"
    1:00

    País

    Paulo Portas considera que a relação de Portugal com Angola é insubstituível. Numa entrevista ao Jornal de Negócios, o ex vice-primeiro-ministro defende que o país deve ser profissional no relacionamento político com Luanda.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Governo vai dar mais meios à investigação criminal
    2:34

    País

    A ministra da Justiça garante que o Governo vai dar mais meios à investigação criminal, mas assegura que não vai mexer nos prazos dos inquéritos. A questão tem sido insistentemente levantada pela defesa de José Sócrates, que se queixa de que a Operação Marquês já ultrapassou todos os prazos.

  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.