sicnot

Perfil

Mundo

Autoridades espanholas detêm suspeito de se querer juntar ao Estado Islâmico

As autoridades espanholas anunciaram hoje a detenção de um homem de nacionalidade marroquina, em Pamplona, que alegadamente se preparava para viajar para a Síria para se juntar ao grupo extremista Estado Islâmico.

Arquivo reuters

O Ministério do Interior informou que o detido, de 32 anos, também fazia propaganda ao grupo no estabelecimento hoteleiro onde trabalhava.

Segundo o comunicado do ministério, foi detido esta manhã "um cidadão marroquino de 32 anos, residente em Pamplona, que tinha dado início a preparativos para viajar para a Síria, com a intenção de se unir às fileiras do DAESH [Estado Islâmico]".

O detido chamou a atenção dos Serviços de Informação "ao ter mostrado sinais claros de radicalização, mudando o seu comportamento e aparência, assim como o seu círculo de amizades", ao ponto de recusar relacionar-se com alguns familiares diretos devido "à sua adesão à ideologia radical".

Após a sua radicalização, o detido "intensificou", segundo o ministério, a visualização de vídeos e notícias relacionadas com o Estado Islâmico no estabelecimento de hotelaria onde trabalhava, a partir de onde difundia, "entre alguns clientes selecionados por ele, as gravações que descarregava, entre as quais havia fotos, vídeos e ligações para aceder às publicações do DAESH através das redes sociais".

A investigação da Guarda Civil espanhola constatou também "a participação ativa do detido em atividades de recrutamento, tanto no seu círculo próximo, como de forma virtual, através da Internet".

Os responsáveis pela investigação centram-se agora em "desvendar a possível rede de contactos" que o detido usava em Espanha e "esclarecer quais os meios e apoios com que contava para alcançar o seu destino final na Síria".

  • Vem lá chuva

    País

    A chuva vai voltar a Portugal continental a partir de quarta-feira e pelo menos até domingo, enquanto as temperaturas mínimas deverão subir.

  • "O Sporting é o um barco à deriva"
    2:26
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    A crise do Sporting foi o principal tema em O Dia Seguinte, esta segunda-feira. José Guilherme Aguiar censura Bruno de Carvalho por ter convidado Jorge Jesus para a comissão de honra da recandidatura. Já Rogério Alves não tem dúvidas que a contestação tem aumentado de tom devido à proximidade das eleições do Sporting. Rui Gomes da Silva pensa que toda a direção leonina é responsável pelo mau momento atual do clube.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Violação emitida em direto no Facebook

    Mundo

    Três homens foram detidos na Suécia, por suspeitas de violação de uma mulher, num apartamento a 70 quilómetros da capital. Os suspeitos filmaram o ato de violência e exibiram-no em direto no Facebook.

  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.