sicnot

Perfil

Mundo

Popularidade de François Hollande subiu 22% após os ataques

A popularidade do Presidente francês, François Hollande, aumentou 22% após os atentados de 13 de novembro em Paris, chegando a 50%, revela um inquérito hoje divulgado pelo organismo Ifop/Fiducial.

(arquivo)

(arquivo)

© Stephane Mahe / Reuters

Este é o melhor resultado para o Presidente socialista desde 2012, ano da sua eleição.

O índice de popularidade de Hollande, que tinha caído devido ao aumento do desemprego, já havia subido 21 pontos percentuais em janeiro, na sequência dos atentados às instalações da publicação satírica Charlie Hebdo.

"Pela segunda vez este ano, verificou-se um aumento acentuado na popularidade do Presidente", disse Frederic Dabi, director geral adjunto do Ifop.

Ainda segundo o inquérito, 62% dos franceses consideram que o presidente francês "representa bem os interesses da França no exterior" e 38% consideram que ele está "próximo das preocupações dos franceses", mas apenas 28% desejam que ele seja reeleito em 2017.

O resultado surge a cinco dias da primeira volta das eleições regionais, último teste eleitoral antes das presidenciais.

De acordo com a sondagem, o partido de extrema-direita Frente Nacional está numa posição de força para abordar as eleições e pode ganhar, pela primeira vez, pelo menos duas regiões.

O inquérito foi realizado por telefone na sexta-feira e no sábado passados, a uma amostra de 983 pessoas representativas da população francesa com idade igual ou superior a 18 anos.

Lusa

  • Fugiram 52 reclusos das cadeias portuguesas nos últimos 5 anos

    País

    Nos últimos 5 anos fugiram 52 reclusos das cadeias portuguesas, tendo esta madrugada ocorrido a primeira evasão de 2017, com três detidos em fuga do estabelecimento prisional de Caxias. Dados divulgados hoje pela Direção-geral de Reinserção e Serviços Prisionais após a fuga de três reclusos presos preventivamente em Caxias, Concelho de Oeiras, indicam que no ano passado ocorreram cinco operações de fuga que envolveram seis reclusos e que em 2015 fugiram dois presos das cadeias portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.

  • Mouchão da Póvoa em risco de desaparecer
    1:58

    País

    A Câmara Municipal de Vila Franca de Xira alerta para o risco de desaparecimento do Mouchão da Póvoa, uma dos três mouchões do Tejo, no concelho. Em causa está a falta de autorização, pedida à Agência Portuguesa do Ambiente, para uma intervenção de emergência nos diques.

  • Lixo, para que te quero?
    23:17
  • Tuk-tuk em protesto oferecem hoje passeios gratuitos em Lisboa

    País

    A Associação Portuguesa de Empresas de Congressos, Animação Turística e Eventos (APECATE) promove hoje a iniciativa "Cá vai Lisboa", com passeios gratuitos de tuk-tuk, para alertar a população para a "problemática" regulamentação municipal deste tipo de veículos.

  • Ricardo Robles apresentado como candidato do BE a Lisboa
    1:31

    Autárquicas 2017

    Ricardo Robles foi formalmente apresentado este sábado como candidato do Bloco de Esquerda à Câmara Municipal de Lisboa. No encerramento da convenção autárquica do partido, Catarina Martins fez críticas ao Governo, dizendo que o projeto de descentralização do Executivo é perigoso e ameaça a democracia.