sicnot

Perfil

Mundo

Exército dos Estados Unidos abre a mulheres todos os postos de combate

O Exército norte-americano tomou a decisão histórica de abrir às mulheres todos os postos de combate, "sem exceção", incluindo os mais exigentes, como as unidades de elite", anunciou hoje o secretário da Defesa norte-americano, Ashton Carter.

Cliff Owen

As mulheres acederão a todos os postos de combate se "preencherem as condições" exigidas para esses cargos, precisou Carter, numa conferência de imprensa no Pentágono, referindo-se aos critérios de capacidade física.

Os elementos do sexo feminino "poderão conduzir tanques", "disparar morteiros", ser membros de forças especiais como "os Bóinas Verdes ou os Fuzileiros da Marinha" ou "liderar soldados de infantaria em combate", precisou o governante.

O Exército dos Estados Unidos deve ter acesso "ao maior número possível de talentos" e não pode deixar as mulheres de lado, explicou.

O secretário da Defesa reconheceu que não tinha aprovado o pedido dos Marines, o prestigiado corpo expedicionário norte-americano, de reservar alguns cargos para os homens.

Os Marines estavam isolados nesse pedido, já que os restantes ramos das Forças Armadas não expressaram qualquer intenção de conservar cargos exclusivamente para homens, sublinhou.

O Governo dp Presidente Barack Obama tinha anunciado em 2013 que tencionava abrir todos os postos de combate ao sexo feminino, mas foi dado um prazo ao Pentágono para decidir se seriam mantidas eventuais exceções.

Em 2013, o Exército já abrira um grande número de postos, mas estava ainda por confirmar a abertura ao sexo feminino de postos de combate de infantaria, blindados e tanques e de muitos postos das forças especiais.

Três jovens militares norte-americanas foram um marco simbólico importante este ano para a causa das mulheres em combate, ao concluírem com êxito a dura formação dos Rangers do Exército de terra norte-americano.

O Exército dos Estados Unidos tem cerca de 15% de mulheres entre os seus efetivos.

Lusa

  • Quase 200 queixas por dia sobre serviços de saúde em 2017
    1:46

    País

    Foram apresentadas, em 2017, quase 200 queixas por dia sobre o funcionamento dos serviços de saúde públicos e privados. As questões administrativas e os tempos de espera foram as principais razões das mais de 70 mil reclamações recebidas pela Entidade Reguladora da Saúde.

  • Fim de semana com chuva e descida da temperatura

    País

    A chuva regressa hoje a Portugal continental e permanece pelo menos até ao início da semana, prevendo-se ainda uma descida da temperatura máxima entre 04 a 06 graus Celsius, disse à Lusa a meteorologista Cristina Simões.

  • Tribunal pede documentos sobre o BES ao Banco de Portugal

    Economia

    O Tribunal Administrativo de Lisboa deu esta quinta-feira ao Banco de Portugal 20 dias para entregar as ata das reuniões das 48 horas antes da resolução do BES. O regulador da banca foi chamado a prestar esclarecimentos sobre a queda do Banco Espírito Santo, em 2014.

  • 45 anos de Partido Socialista
    3:31

    País

    O PS completou 45 anos esta quinta-feira. Acaso ou não, a festa aconteceu um dia depois de terem ficado concluídos dois acordos com o PSD que fazem renascer o debate sobre o posicionamento ideológico do partido socialista.

  • Senado aprova à tangente novo diretor da NASA

    Mundo

    O Senado norte-americano aprovou na quinta-feira, à tangente, a nomeação do novo diretor da agência espacial norte-americana, com 50 votos favoráveis contra 49, colocando à frente da NASA um cético das alterações climáticas, adiantou a Efe.