sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos 20 mortos em acidente com autocarro da polícia na Argentina

Pelo menos 20 pessoas morreram e várias outras ficaram feridas quando um autocarro que transportava agentes da polícia caiu de uma ponte na região noroeste da Argentina, divulgou hoje um responsável local.

ARQUIVO Reuters

As causas do acidente, que ocorreu hoje de madrugada, permanecem desconhecidas, de acordo com Gustavo Solis, presidente da câmara de Rosario de la Frontera, na província de Salta.

O responsável local relatou que o autocarro, que transportava 60 elementos das forças policiais, despistou-se e caiu de uma ponte, com 15 metros de altura, no leito seco de um rio.

Várias pessoas permaneciam encarceradas no veículo e o número de vítimas mortais poderá aumentar, admitiu o autarca argentino.

O autocarro integrava uma coluna de viaturas policiais.

Por razões ainda desconhecidas, o motorista do autocarro perdeu o controlo do veículo quando começou a atravessar a ponte, referiu um comunicado da polícia.

Gustavo Solis afirmou que a estrada onde ocorreu o acidente é conhecida por ser perigosa, devido às más condições de manutenção.

"Aqueles que conhecem a zona evitam conduzir ali durante a noite", disse o autarca.

  • "Joguem à bola"
    1:35

    Desporto

    Cerca de uma centena de adeptos do Sporting esperaram até perto das 3:00 pela chegada da equipa ao estádio de Alvalade. Depois da eliminação da Taça de Portugal, em Chaves, foi necessário o reforço policial para garantir a segurança da comitiva leonina.

  • Oposição diz que défice abaixo dos 2,3% se deve ao aumento de impostos
    2:24

    Economia

    O défice de 2016 vai ficar abaixo dos 2,3%, uma garantia dada pelo primeiro-ministro durante o debate quinzenal desta terça-feira. A oposição diz que o resultado é bom para o país mas que se deve a um aumento de impostos, feito pelo Governo no ano passado, e ao trabalho do PSD e do CDS nos anos anteriores.

  • Obama encurta pena de delatora do Wikileaks
    1:45
  • Putin sai em defesa de Trump
    2:29

    Mundo

    Vladimir Putin já saiu em defesa de Donald Trump e diz que houve uma tentativa de minar o Presidente eleito dos Estados Unidos, através de um alegado relatório, atribuido à espionagem russa. Putin diz que o relatório é falso.