sicnot

Perfil

Mundo

Paris anuncia que Presidente cubano visita França em fevereiro

O Presidente cubano, Raul Castro, vai visitar França em fevereiro de 2016, anunciou hoje o porta-voz do governo francês, Stéphane Le Foll.

Raul Castro, Presidente cubano.

Raul Castro, Presidente cubano.

© Henry Romero / Reuters (Arquivo)

Na conferência de imprensa após a reunião do Conselho de Ministros, o porta-voz indicou apenas que "Raul Castro estará em Paris no mês de fevereiro".

O Eliseu (sede da Presidência francesa) e o Ministério dos Negócios Estrangeiros francês não avançaram, até ao momento, mais pormenores sobre a deslocação do líder cubano.

O chefe de Estado francês, François Hollande, realizou em maio deste ano uma visita oficial a Havana, onde foi recebido por Raul Castro, mas também pelo seu irmão e líder histórico cubano Fidel Castro.

Na altura, Hollande destacou que se tratava da primeira viagem oficial de um Presidente francês a Cuba, desde a independência daquele território em 1898.

O líder francês sublinhou ainda que a sua visita era "simbólica", porque era o primeiro presidente ocidental a visitar a ilha caribenha após o anúncio das negociações entre Washington e Havana para o restabelecimento das relações diplomáticas.

Paris pretendeu desta forma marcar posição na estratégia europeia em relação a Cuba.

A União Europeia (UE) e Cuba retomaram este ano as negociações para o primeiro acordo bilateral entre Havana e os parceiros europeus.

Ainda na sua visita a Havana, Hollande apelou ao fim do embargo norte-americano a Cuba, afirmando então que Paris iria fazer o que fosse possível para garantir que "as medidas que tanto prejudicaram o desenvolvimento de Cuba possam ser finalmente levantadas, revogadas".

Desde a década de 1990 Paris tem votado todos os anos na Assembleia-geral da ONU a favor de uma resolução que pede o levantamento do embargo norte-americano.

O embargo imposto por Washington à ilha caribenha está em vigor desde 1962.

Lusa

  • Principais factos da acusação no caso BPN dados como provados

    País

    O coletivo de juízes responsável pelo julgamento do processo principal do caso BPN, liderado por Luis Ribeiro, deu início à leitura do acórdão pelas 10:30, com quatro arguidos ausentes do tribunal, entre os quais Oliveira Costa. Os principais factos da acusação são dados como provados, mas a leitura deverá demorar algumas horas

  • Autódromo do Estoril está ilegal há 45 anos

    Desporto

    De acordo com o Público este equipamento desportivo, inaugurado na década de 70, não tem licença de construção nem de utilização. Uma notícia que apanhou de surpresa o executivo camarário de Cascais, liderado por Carlos Carreiras.

  • Seca na Bacia do Sado exige restrições ao uso da água no Alentejo

    País

    A Agência Portuguesa do Ambiente aprovou hoje um conjunto de medidas para gestão dos recursos hídricos, definindo medidas específicas para a bacia hidrográfica do Sado, a única que se encontra em situação de seca. Além da diminuição de regas em hortas e jardins, a APA recomenda o encerramento das fontes decorativas, a proibição de encher piscinas e de lavagem de automóveis.