sicnot

Perfil

Mundo

Líder do PSOE afasta eventuais coligações políticas a "qualquer preço"

O líder dos socialistas espanhóis, Pedro Sánchez, garantiu hoje que não vai tentar formar governo "a qualquer preço" e alertou o Podemos que não vai negociar nenhum acordo que ponha em perigo a integridade territorial espanhola.

reuters

Durante um discurso perante o Comité Federal do PSOE, Pedro Sánchez, insistiu que compete ao Partido Popular formar governo mas sublinhou que caso não venha a ser possível a Mariano Rajoy conseguir um executivo, os socialistas têm "legitimidade" para assumirem responsabilidades tentando uma nova maioria "progressistas" e de "esquerda".

Desta forma, Sánchez informou que vai contactar "todas" as forças políticas, de forma "transparente" para que os espanhóis venham a saber o que pode vir a ser eventualmente negociado.

Sobre o Podemos, terceira força política mais votada nas eleições gerais de 20 de dezembro, o líder do PSOE frisou que não vai negociar de qualquer forma referindo-se diretamente ao referendo sobre a independência da Catalunha que, afirmou, pode ser o "princípio de novas ruturas" no país.

O programa político do Podemos admite a realização de um referendo na Catalunha, apesar de o partido liderado por Pablo Iglésias defender a integridade territorial espanhola.

  • Prisão preventiva para homicida de Barcelos
    1:43

    País

    O alegado homicida de Barcelos vai ficar em prisão preventiva, por quatro crimes de homicídio. Adelino Briote foi ouvido este sábado de manhã no Tribunal de Braga, depois de na sexta-feira ter alegadamente degolado quatro pessoas na freguesia de Tamel, em Barcelos.

  • Morte de portuguesa no Luxemburgo afinal não aconteceu

    País

    A morte de uma portuguesa em Bettembourg, no sul do Luxemburgo, não terá acontecido. O Jornal do Luxemburgo avançou, esta manhã, que a emigrante portuguesa tinha sido baleada mortamente pelo filho, uma informação entretanto desmentida por outro jornal online. Segundo o Bom Dia Luxemburgo, o que aconteceu foi afinal uma rusga policial.

  • Estamos quase na hora de verão

    País

    Esta madrugada muda a hora. Quando for 1h00, os relógios adiantam para as 2h00. Será uma noite com menos tempo de sono, mas os dias vão ficar mais longos com o chamado horário de verão.

  • Hora do Planeta, apagam-se as luzes para despertar consciências
    2:19
  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.