sicnot

Perfil

Mundo

Unicef critica jogador de râguebi por publicar fotos de crianças sírias mortas

O jogador de râguebi neozelandês Sonny Bill Williams foi alvo de duras críticas da Unicef por publicar no Twitter fotografias de crianças sírias mortas, menos de um mês após ter visitado um campo de refugiados no Líbano.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Nigel Marple / Reuters

A estrela dos All Blacks, que recentemente se sagraram campeões do mundo, efetuou a visita no âmbito de uma campanha de sensibilização do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) sobre a situação dos sírios que ali vivem.

"O que é que estas crianças fizeram para merecer isto?", questionou Williams, num tweet, acompanhado por fotografias de crianças mortas.

A Unicef afirmou, porém, que as imagens não foram tiradas durante a visita aos campos de Bekaa, no leste do Líbano, e que Williams não consultou a agência da ONU antes de publicar as fotografias, noticiou o jornal New Zealand Herald, citando o porta-voz da Unicef na Nova Zelândia, Patrick Rose.

"Trata-se de uma violação fundamental dos direitos dessas crianças", disse.

As reações ao seu 'tweet' na rede social foram diversas, com internautas a criticar a publicação de imagens chocantes, à semelhança da Unicef, e outros a considerarem que permite mostrar o horror da guerra.

Lusa

  • Francês detido em Antuérpia "queria matar"

    Mundo

    O Presidente de França François Hollande afirmou que o francês detido esta quinta-feira por conduzir um automóvel a grande velocidade na principal rua pedonal de Antuérpia, na Bélgica, "queria matar" ou "provocar um acontecimento dramático".

  • Mais de 20 milhões estão a morrer à fome em África

    Mundo

    África enfrenta a maior crise desde 1945, com mais de 20 milhões de pessoas a morrer de fome em três países, Sudão do Sul, Somália e Nigéria, disse esta quinta-feira um responsável do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27

    Mundo

    Estella Westrick tem apenas três anos, mas já conseguiu chegar aos jornais de todo o mundo, depois de "roubar" o chapéu do Papa. Durante uma visita da família na quarta-feira ao Vaticano, a criança - que não parece estar muito contente no vídeo - foi pegada ao colo por um dos funcionários do Vaticano, que a levou depois até ao Papa para receber dois beijos. Nesta altura, Estella aproveitou para tirar o solidéu episcopal, arrancando gargalhadas de toda a gente, especialmente do Papa Francisco.

  • Jovem violada em direto no Facebook não se sente em segurança

    Mundo

    A jovem de 15 anos que foi abusada sexualmente por cinco ou seis homens durante um vídeo em direto para o Facebook está a receber tratamento. A mãe da jovem deu uma entrevista, na qual disse que a filha já não se sente em segurança na sua vizinhança, depois de receber ameaças na internet.

  • Letizia, uma rainha da nova geração
    2:01