sicnot

Perfil

Mundo

Israel pede desculpa por diplomata que terá usado bandeira de Singapura como toalha de mesa

Israel afirmou esta quarta-feira que pediu desculpa pelo "deplorável comportamento" de um diplomata na sua embaixada em Singapura que terá utilizado uma bandeira da Cidade-Estado como toalha de mesa durante uma festa.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Reuters Staff / Reuters

Segundo os 'media' locais, o Ministério dos Negócios Estrangeiros de Singapura convocou o embaixador israelita depois de um relatório da polícia sobre o incidente ocorrido no domingo e de a identidade do diplomata ter sido revelada.

"A embaixada do Estado de Israel em Singapura ficou chocada ao tomar conhecimento do deplorável comportamento de um dos seus funcionários juniores e manifesta as suas sinceras desculpas", diz um comunicado divulgado pela representação diplomática.

A embaixada refere ainda que o diretor-geral do Ministério dos Negócios Estrangeiros "instruiu a adoção de um forte procedimento disciplinar" contra o diplomata em causa.

O comunicado acrescenta, aliás, que as medidas disciplinares refletem a gravidade com que Israel vê este incidente, especialmente à luz da próxima e amistosa relação com Singapura.

O Ministério dos Negócios Estrangeiros de Singapura, que considerou a utilização da bandeira da Cidade-Estado para aquele fim como uma "ofensa grave", aceitou o pedido de desculpa da embaixada israelita e a garantia de o diplomata visado vai ser punido.

"Todas as pessoas, incluindo diplomatas e estrangeiros em Singapura, têm de respeitar e cumprir as nossas leis e regulamentos", disse a diplomacia de Singapura.

Nem o comunicado de Israel nem o de Singapura facultam detalhes sobre o incidente.

Contudo, segundo a imprensa local, a bandeira foi usada como toalha de mesa durante uma festa organizada pelo diplomata no seu condomínio em Singapura.

Um internauta publicou uma fotografia, manifestando-se "chocado" por ver um grupo de caucasianos a usar a bandeira de Singapura como toalha de mesa.

Lusa

  • " A melhoria das contas públicas não foi feita à custa dos portugueses"
    1:30

    País

    Numa espécie de balaço deste ano e meio de governação, o primeiro-ministro voltou a assinalar voltou a assinalar a redução do défice e as melhorias nas contas públicas. Num jantar com militantes em Coimbra, António Costa garantiu ainda que a "verdadeira reforça do Estado avança até ao final desta legislatura, que é a Descentralização.

  • Passos acusa Governo de "sacudir água do capote"

    País

    O líder do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou este sábado o Governo de "sacudir a água do capote" para não assumir a responsabilidade pelo que está a ser decidido, usando uma política de comunicação que considerou ser um "embuste".

  • Quase 200 polícias solidários com agentes acusados
    2:29

    País

    Perto de 200 polícias manifestaram-se este sábado na sede da PSP em Alfragide, em solidariedade com os 18 agentes acusados no processo Cova da Moura. O Sindicato Nacional de Polícia associou-se ao protesto e diz existir um aproveitamento político do caso.

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.

  • Norte também quer naturismo e praias de nudistas

    País

    O presidente da Turismo do Porto e Norte de Portugal defendeu hoje a criação de praias naturistas legalizadas na região, fazendo a apologia da formação de associações e negando que este seja um destino conservador.