sicnot

Perfil

Mundo

Detidos quinta-feira por ameaças terroristas em Bruxelas foram libertados

Todos os seis detidos na quinta-feira em Bruxelas, no âmbito de ameaças de ataques terroristas durante as comemorações do Ano Novo foram libertados depois de serem ouvidos, segundo a Procuradoria belga federal.

© Francois Lenoir / Reuters

A mesma fonte informou não adiantar, por agora, mais informações sobre o processo das pessoas detidas em operações policiais na zona da capital belga, nomeadamente Molenbeek, Anderlecht, Laeken e Woluwe-Saint-Pierre.

Na quinta-feira à noite já tinham sido libertados três homens, com o juiz de instrução a decidir prolongar por outras 24 horas a detenção dos restantes, que hoje acabaram por também sair em liberdade.

O material informático e os telefones apreendidos nas buscas continuam a ser analisados.

Durante a semana duas outras pessoas tinham sido detidas por suspeita de planearem ataques a "locais emblemáticos de Bruxelas", tendo um juiz decidido na quinta-feira prolongar a prisão preventiva.

Saïd Saouti et Mohamed Karay são suspeitos de ameaças de atetandos e participação em atividades de um grupo terrorista.

Os homens foram detidos domingo de manhã, na sua casa, na comuna de Anderlecht.

Os festejos oficiais do ano novo nas ruas do centro de Bruxelas foram cancelados, depois de analisados pareceres das forças de segurança.

Lusa

  • Mais de 50 milhões de italianos decidem futuro do país
    1:43

    Mundo

    Este domingo, está nas mãos de mais de 50 milhões de eleitores italianos o futuro do país. Mais do que um voto à reforma constitucional, o referendo terá consequências políticas diretas no Governo italiano. As urnas fecham às 23h00, 22h00 em Lisboa. Os primeiros resultados são esperados meia hora depois.