sicnot

Perfil

Mundo

Obama inicia ano com objetivo de controlar a venda de armas de fogo

O Presidente norte-americano, Barack Obama, regressou hoje a Washington, depois das suas férias de Natal, para iniciar o último ano de mandato com o desafio de controlar a venda de armas por decreto.

© Jonathan Ernst / Reuters

Barack Obama vai reunir-se na terça-feira com a responsável pela pasta da Justiça, Loretta Lynch, para examinar possíveis opções.

Na quinta-feira, vai ao canal de televisão CNN responder a perguntas do público.

A Casa Branca tem, até agora, permanecido em silêncio sobre os planos para controlar a venda de armas.

Mas, a principal medida poderá implicar uma exigência para verificar históricos judiciais e psiquiátricos antes de ser realizada qualquer venda.

Em muitos locais dos Estados Unidos, incluindo feiras, é possível adquirir uma arma sem ser necessário verificar se o armeiro está aprovado pelas autoridades federais.

Cerca de 90 pessoas morrem diariamente nos Estados Unidos devido a armas de fogo.

Todos os adversários de Barack Obama prometeram já anular qualquer medida sobre o tema.

Lusa

  • Obama com Jerry Seinfeld
    1:38

    Mundo

    Barack Obama quebrou a tradição num dos programas mais famosos no Estados Unidos onde os comediantes são convidados para passear de automóvel e beber um café. O Presidente norte-americano é o escolhido por Jerry Seinfeld, o anfitrião e um dos humoristas mais famosos na América.

  • Obama pede medidas contra violência armada ao Congresso
    0:42

    Mundo

    No seu primeiro discurso de 2016, Barack Obama, pediu ao Congresso norte-americano para aprovar leis que promovam a redução do número de armas. Na reta final do seu mandato, o Presidente falou dos progressos feitos em áreas como a saúde e a criação de emprego, mas considera que a questão da circulação de armas continua a ser um assunto por resolver.

  • Aretha Franklin emociona Barack Obama
    2:39

    Mundo

    O ano termina com uma imagem poderosa, quando um homem se comove até à lágrimas com a voz de uma mulher. O homem é Barack Obama e a voz é de Aretha Franklin, a rainha da música soul, numa cerimónia em Washington.