sicnot

Perfil

Mundo

Ajuda alimentar e medicamentosa em cidades sírias cercadas só depois de domingo

A entrega de ajuda alimentar por via aérea a três cidades sírias cercadas vai representar "uma imensa e complicada tarefa", que não deve começar antes de domingo, disse hoje um porta-voz da Cruz Vermelha.

(arquivo)

(arquivo)

AP Images

Pawel Krzysiek, porta-voz do Comité Internacional da Cruz Vermelha, disse à AFP que a assistência alimentar e médica vai ser entregue a Madaya, nos arredores de Damasco, Fuaa e Kafraya, ambas no noroeste.

Madaya, que tem uma população de 42 mil pessoas e estado em destaque nos últimos dias devido a casos de morte por fome, está cercada por militares governamentais.

Fuaa e Kafraya estão cercadas por grupos rebeldes.

As cidades integram um acordo de tréguas, intermediado pela Organização das Nações Unidas, que vai permitir a entrada de ajuda humanitária.

"Esta é uma imensa e complicada operação, porque tem de ser sincronizada entre Madaya, Kafraya e Fuaa e requer lidar com muitas partes", disse Krzysiek, acrescentando: "Não penso que comece antes de domingo".

Segundo os Médicos Sem Fronteiras, pelo menos 23 pessoas morreram devido a fome nos centros geridos por esta organização não-governamental desde 01 de dezembro.

Lusa

  • Novas buscas no Universo Espírito Santo

    Queda do BES

    O Ministério Público voltou a fazer buscas no âmbito dos processos do Universo Espírito Santo. A SIC sabe que ontem e hoje os investigadores recolheram provas em diversos locais do continente e também na Madeira, nomeadamente em residências, empresas e entidades bancárias.

    Notícia SIC

  • Visitar a região afetada pelo fogos é uma forma de ajudar na recuperação
    3:07
  • Carvalhal do Sapo tenta recuperar a vida normal após incêndio
    2:33

    País

    As populações das aldeias de Góis tentam voltar à normalidade, ao fim de vários dias rodeadas por um grande dispositivo de operacionais. A repórter Cristina Freitas esteve hoje em Carvalhal do Sapo, onde se realizou mais um funeral de uma das vítimas do incêndio de Pedrógão Grande.

  • Falta de médicos e de ofertas de emprego preocupa habitantes da Guarda
    5:13
  • "Do ponto de vista interno a candidatura do Porto é a melhor" 
    0:50

    País

    António Costa admite que a candidatura da cidade do Porto para receber a Agência Europeia do Medicamento seria a melhor para Portugal. No entanto o primeiro-ministro diz que é preciso avaliar se a candidatura do Porto é a que tem mais hipóteses de ganhar, quando comparada com outras cidades europeias. 

  • Daesh divulga imagens da destruição da mesquita de Mossul
    1:58
  • "Podemos ser atendidos por um médico branco?"
    0:58