sicnot

Perfil

Mundo

México inicia processo de extradição de "El Chapo" para os EUA

As autoridades mexicanas anunciaram este sábado o início do processo de extradição do narcotraficante Joaquín "El Chapo" Guzmán para os Estados Unidos, após ter sido capturado na sexta-feira em Sinaloa, no México.

"El Chapo" é procurado pelos Estados Unidos por várias acusações, incluindo tráfico de cocaína e lavagem de dinheiro.

"El Chapo" é procurado pelos Estados Unidos por várias acusações, incluindo tráfico de cocaína e lavagem de dinheiro.

© Henry Romero / Reuters

A Procuradoria-Geral da República do México explicou, num comunicado, que não há impedimento para concretizar a extradição emitida contra Guzmán, na sequência da fuga, a 11 de julho do ano passado, de uma prisão de segurança máxima no México.

As autoridades mexicanas tinham transferido na sexta-feira Joaquín "El Chapo" Guzmán de regresso à prisão de alta segurança de Altiplano, de onde tinha conseguido escapar por um túnel com 1,5 quilómetros ligado a uma casa situada fora do perímetro do estabelecimento prisional.

Considerado um dos principais líderes de cartéis de tráfico de droga do mundo, o seu cartel traficou biliões de euros em drogas para os Estados Unidos, que pede a sua extradição.

"El Chapo" é procurado pelos Estados Unidos por várias acusações, incluindo tráfico de cocaína e lavagem de dinheiro.

A cadeia de Altiplano, localizada a cerca de 90 quilómetros da capital, volta a ser o local de detenção de Joaquín Guzmán, que perpetrou duas fugas em 14 anos.

Uma das informações que levou à detenção do narcotraficante veio de diligências feitas pelo próprio para gravar um filme autobiográfico, tento contactado atores e produtores para concretizar o projeto.

Lusa

  • Motim em prisão brasileira fez pelo menos 30 mortos
    1:09

    Mundo

    Um novo motim numa prisão brasileira fez pelo menos 30 mortos. A prisão, que é a maior do Estado do Rio Grande do Norte, tem capacidade para 600 reclusos mas acolhe quase o dobro. Após o motim de 14 horas, a polícia já tem o controlo total da prisão.

  • Aqui também se vive
    16:07
  • Austrália condena Japão por caça de baleias no Oceano Antártico

    Mundo

    O Governo da Austrália condenou hoje o Japão por retomar a caça de baleias no Oceano Antártico, após a divulgação de imagens de um cetáceo morto a bordo de um barco japonês que se encontrava em águas protegidas.O ministro do Ambiente, Josh Frydenberg, manifestou "profunda deceção", um dia depois de a organização Sea Shepherd divulgar fotografias e vídeos de uma baleia minke no barco japonês Nisshin Maru.