sicnot

Perfil

Mundo

Ministro do Interior alemão defende leis mais duras perante agressões em Colónia

O ministro do Interior alemão defendeu hoje o endurecimento da legislação após as múltiplas agressões sexuais e roubos ocorridos na noite de Ano Novo em Colónia e noutras cidades alemãs, presumivelmente por cidadãos norte-africanos e árabes.

reuters

"Nesta questão não nos podemos permitir longas discussões", disse Thomas de Maizière em Colónia, num discurso no dia anual da Federação Alemã de Funcionários Públicos (DBB).

Thomas de Maizière sublinhou a necessidade de identificar os agressores para os castigar e aplicar "de modo consequente" a lei alemã e a lei sobre estrangeiros, mas também de endurecer a legislação, para o que disse estar em contacto com o ministro da Justiça, Heiko Maas.

Advertiu contra a ocultação da verdade, que considerou ser também importante para os refugiados, no sentido de se distinguir claramente entre os que são delinquentes e os que não são.

A polícia de Colónia atualizou no domingo para 516 as queixas de violência ocorridas durante as festividades de Ano Novo, com 40 por cento das vítimas a relatarem casos de agressão sexual.

Hoje o governo alemão informou que a quase totalidade dos suspeitos da violência naquela noite em Colónia era de origem estrangeira, sobretudo requerentes de asilo chegados recentemente ao país.

Aparentemente tratou-se de uma vaga de ataques coordenados numa grande multidão que se juntou perto da principal estação de comboios da cidade para celebrar a chegada do novo ano, a 31 de dezembro.

  • Primeiras projeções dão vitória a Angela Merkel

    Mundo

    A CDU da chanceler Angela Merkel venceu as eleições legislativas deste domingo com 33,5% dos votos, seguida dos sociais-democratas do SPD e do partido Alternativa para a Alemanha, de extrema-direita, segundo uma sondagem divulgada pela televisão pública ZDF.

  • Maratona da democracia em Barcelona
    1:18

    Mundo

    Na Catalunha, milhares de pessoas alimentam o braço de ferro com Madrid. Em Barcelona decorre a maratona pela democracia, na Praça da Universidade. A iniciativa repete-se noutros 300 municípios da região.

  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.