sicnot

Perfil

Mundo

Avalancha nos Alpes atinge 11 pessoas, dois mortos confirmados

Uma avalanche nos Alpes franceses que atingiu um grupo de alunos e o respetivo professor fez esta quarta-feira pelo menos dois mortos, três feridos graves e cinco desaparecidos, segundo um balanço provisório das autoridades locais.

Arquivo

Arquivo

As duas vítimas mortais são um adolescente de 14 anos e um cidadão ucraniano que não pertencia ao grupo mas que foi também apanhado pela avalanche.

Inicialmente, as autoridades indicaram que um grupo de dez estudantes do colégio de ensino secundário Saint-Exupéry de Lyon, no sudeste do país, e o respetivo professor tinham sido atingidos por uma avalanche, hoje ao fim da tarde, na estância de Deux-Alpes, em Isère, mas as equipas de busca e salvamento procuravam também outras eventuais vítimas.

Quando foram encontrados, quatro dos alunos estavam em paragem cardiorrespiratória e o professor estava inconsciente, precisou a polícia, confirmando informações da imprensa local. Os feridos em paragem cardiorrespiratória foram de imediato transportados para o hospital de Grenoble.

Cinco elementos do grupo escolar são ainda procurados e não se sabe por enquanto se ficaram soterrados ou não, referiu a mesma fonte.

Um dos alunos escapou ileso, segundo a polícia que mobilizou para as buscas no local 30 socorristas do pelotão de polícia de montanha, cães e três helicópteros, um dos quais equipado com uma câmara térmica.

Há vários dias que as condições para esqui e caminhadas estavam difíceis, devido a fortes nevões.

As câmaras de Isère, Sabóia e Alta-Sabóia tinham recomendado aos esquiadores que evitassem andar fora das pistas.

Em Deux-Alpes, o risco de avalanche era de nível três numa escala de cinco.

A pista em que o grupo se encontrava estava classificada como negra, ou seja, com um grau de dificuldade elevado, reservado a esquiadores experimentados, e estava fechada ao público.

Desde o início deste ano, tinham já morrido quatro pessoas em avalanches nos Alpes Franceses: dois alpinistas lituanos, a 03 de janeiro, em Alta-Sabóia, e um esquiador espanhol e outro checo, a 5 de janeiro, em Sabóia.

Com Lusa

  • Trump desafia Oprah a candidatar-se para ser "derrotada como todos os outros"

    Mundo

    Apesar de Oprah Winfrey ter excluído uma eventual candidatura às eleições presidenciais dos Estados Unidos da América, Donald Trump ainda não se esqueceu dos rumores e desafiou a apresentadora a candidatar-se em 2020. Através do Twitter, o Presidente norte-americano disse ainda que assim poderia ser "exposta e derrotada como todos os outros".

    SIC

  • Mulher enterrada viva no Brasil
    1:13

    Mundo

    Uma mulher de 37 anos terá sido enterrada viva no oeste da Bahia, no Brasil. A certidão de óbito aponta um choque séptico como a causa da morte, mas os ferimentos com que foi encontrada no interior do caixão indicam um possível erro. Os moradores de casas vizinhas do cemitério municipal onde Rosângela dos Santos foi enterrada ouviram gritos vindos do túmulo.

  • António Guterres, "o governante mais amado desde sempre em democracia"
    2:27

    País

    António Guterres foi distinguido com o grau de honoris causa pela Universidade de Lisboa. A cerimónia decorreu esta manhã e contou com a presença do Presidente da República e do primeiro-ministro. Marcelo Rebelo de Sousa sublinhou que Guterres foi o governante mais amado da democracia portuguesa.