sicnot

Perfil

Mundo

Antiga mansão de Pablo Escobar será demolida pelo atual dono para busca de dinheiro

Uma mansão de Miami Beach, no estado norte-americano da Florida, em tempos propriedade de um barão da droga colombiano Pablo Escobar, está em vias de demolição pelo seu atual dono que busca ouro ou dinheiro escondido.

Pablo Escobar e a mulher Victoria Henao, em 1983.

Pablo Escobar e a mulher Victoria Henao, em 1983.

© Reuters Photographer / Reuter

Christian de Berdouare adquiriu a propriedade em 2014 por 10 milhões de dólares e indicou que os trabalhos de demolição, iniciados na segunda-feira, podem levar entre duas a três semanas.

"Montámos uma equipa e temos todo o tipo de gente (...) com detetores de metais, sonares, todo o tipo de coisas a fim de determinar se há alguma coisa escondida", afirmou De Berdouare, fundador e CEO da cadeia de restauração Chicken Kitchen.

Pablo Escobar, outrora um dos homens mais ricos do mundo, liderava o cartel de droga de Medellin, que era responsável pela maioria da cocaína importada para os Estados Unidos nos anos 1980 e no início dos 1990, morreu durante um tiroteio com as autoridades colombianas, aos 44 anos, em 1993.

De Berdouare afirmou à agência AFP acreditar serem francamente boas as possibilidades de encontrar um tesouro nas paredes ou nos soalhos da mansão, porque o antigo barão da droga tinha por hábito esconder dinheiro em todas as suas casas.

"Pode ser dinheiro, pode ser ouro, podem ser joias, ou cadáveres -- pode ser qualquer coisa", acrescentou De Berdouare, indicando que planeia construir uma mansão ainda maior no local depois de mandar abaixo a propriedade que pertenceu a Escobar.

Lusa

  • Os apelos de Marcelo para a reforma do Estado
    1:36

    País

    O Presidente da República lamentou este sábado que o consenso para uma reforma do Estado seja um sonho adiado. No enceramento do congresso "Portugal no Futuro", Marcelo Rebelo de Sousa apelou a entendimentos em áreas estratégicas e defendeu que é preciso passar as palavras à ação, o quanto antes.

    Débora Henriques

  • Tragédia de Vila Nova da Rainha foi há uma semana
    7:18
  • Escutas da Operação Marquês "não podem servir de prova"
    1:36

    Operação Marquês

    As defesas de José Sócrates e de Ricardo Salgado queixam-se que as escutas do processo Marquês estão infetadas por um vírus informático. Os advogados dizem que tal como estão as escutas não podem servir de prova. No entanto, o Ministério Público diz que estão reunidas as condições para começar a contar o prazo para a abertura de instrução.

    Luís Garriapa

  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52