sicnot

Perfil

Mundo

Polícia Marítima resgata 55 sírios de bote à deriva no mar Egeu

A Polícia Marítima (PM) anunciou esta terça-feira que a equipa portuguesa em missão na Grécia resgatou 55 refugiados sírios, 20 dos quais bebés e crianças, de um barco à deriva no mar Egeu.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Yannis Behrakis / Reuters

Em comunicado, a Autoridade Marítima Nacional (AMN) indica que a equipa da PM em missão na ilha grega de Lesbos detetou, durante uma patrulha, um bote com o motor avariado e à deriva, que fazia a travessia entre a Turquia e a Grécia.

Segundo a AMN, as dezenas de refugiados que estavam a bordo corriam o risco de entrar facilmente em hipotermia devido às baixas temperaturas que se fazem sentir na Ilha de Lesbos.

A AMN adianta que, apesar da ansiedade, os refugiados conseguiram manter-se calmos e cooperantes, o que facilitou a ação de salvamento da PM.

A equipa da PM resgatou rapidamente para a embarcação portuguesa 20 bebés e crianças, 11 mulheres e 16 homens, dois dos quais idosos, tendo os restantes homens permanecido no bote em que seguiam, que foi rebocado até ao porto grego de Skala Sikaminea.

A AMN refere que todos os refugiados desembarcaram em segurança e que, durante o trajeto, foram distribuídas mantas térmicas, águas e chocolates

Segundo a AMN, muitos dos refugiados resgatados apresentaram "sinais visíveis de grande cansaço e má disposição associada à agitação marítima", tendo duas mulheres necessitado de apoio médico à chegada a terra.

Uma equipa da Polícia Marítima está no Mar Egeu, na Grécia, desde 01 de outubro do ano passado, no âmbito de uma operação da Agência Europeia da Gestão da Cooperação Operacional nas Fronteiras Externas dos Estados-Membros da União Europeia (Frontex).

A operação, denominada "Poseidon Sea 2015", tem "o objetivo de cooperar no controlo e vigilância das fronteiras marítimas gregas e no combate ao crime transfronteiriço".

Segundo a AMN, a patrulha portuguesa resgatou, até ao momento, mais de 2.200 migrantes e refugiados que corriam risco de vida, dos quais 547 eram bebés e crianças.

A missão da Polícia Marítima no mar Egeu, de apoio à guarda-costeira grega, termina a 30 de setembro deste ano.

Lusa

  • "Já só lhes resta uma coisa: bisbilhotar comunicações privadas"
    2:57

    Caso CGD

    O primeiro-ministro diz que o PSD atingiu o grau zero da política, quando chegou à "bisbilhotice" de querer ver as mensagens trocadas entre o ministro das Finanças e António Domingues. A polémica da Caixa Geral de Depósitos voltou a marcar o debate quinzenal, com António Costa a garantir que nunca esteve em causa a entrega de declarações da administração. Já o PSD e o CDS a acusaram o Governo de violar as regras da transparência e de oprimir os direitos da oposição.

  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • Técnica de defesa contra aperto de mão de Donald Trump
    1:39
  • Vídeo mostra aterragem de Harrison Ford que quase causou um desastre

    Mundo

    Harrison Ford quase provocou um grave acidente quando, ao pilotar um dos seus aviões, falhou a pista de aterragem e esteve muito perto de chocar contra um um Boeing 737, com mais de 100 pessoas a bordo. O incidente com o ator norte-americano, considerado um piloto experiente, aconteceu na passada segunda-feira, dia 13, no Condado de Orange, na Califórnia, e o momento foi captado em vídeo.

  • Descoberta nova espécie de primatas em Angola

    Mundo

    Uma equipa britânica de cientistas descobriu uma nova espécie de galagos anões, um primata pertencente à família dos galonídeos - comum na África subsariana -, na floresta ameaçada da Kumbira, localizada na província do Cuanza Sul, noroeste de Angola.

  • Vestidos da princesa Diana em exposição
    1:29

    Mundo

    As roupas mais emblemáticas da princesa Diana vão estar em exposição no Palácio de Kensington, em Londres, a partir de sexta-feira. O objetivo é mostrar a evolução do estilo da princesa de Gales, considerada um dos maiores ícones de moda de sempre.