sicnot

Perfil

Mundo

Cães ou gatos? Qual deles gosta mais de nós?

Um documentário que vai ser emitido na BBC2 intitulado "Cães vs Gatos" junta um especialista em animais Chris Packham e Liz Bonnin, neurocientista. Juntos descobriram qual destes animais gosta mais dos donos.

© Neil Hall / Reuters

Um documentário que vai ser emitido na BBC2 intitulado "Cães vs Gatos"

Um documentário que vai ser emitido na BBC2 intitulado "Cães vs Gatos"

Já se sabe que, à semelhança do homem, os cães libertam oxitocina, a hormona do amor. No entanto, este teste nunca foi realizado em gatos.

"É uma das formas de medir quimicamente o amor entre mamíferos. Os seres humanos produzem uma hormona no cérebro quando gostam de alguém. Quando vemos o nosso marido/mulher ou os nossos filhos a tensão arterial aumenta entre 40 a 60%".

"Que os cães gostam muito dos seus donos, disso não há dúvidas" explica Paul Zak um dos especialistas que conduziu o estudo. Faltava saber, com exatidão, quanto.

Então, os neurocientistas decidiram medir os níveis de oxitocina libertados pelos cães e agora, pela primeira vez, em gatos antes e depois de interagirem com os donos.

Recolheram saliva de 10 gatos e 10 cães em duas situações distintas: dez minutos antes da brincadeira e segundos após a interação com os donos. De seguida verificaram a quantidade de oxitocina libertada.

Resultado: os cães apresentam um aumento de 57,2% e os gatos apenas 12%. Em teoria, dizem os especialistas, isto pode querer dizer que os cães gostam mais dos seus donos que os gatos.

"Fiquei surpreendido quando verifiquei que os cães produzem níveis tão elevados de oxitocina. O aumento de 57,2% nos cães é uma resposta muito poderosa. Revela que os cães gostam mesmo dos seus donos. É também surpreendente perceber que os gatos também produzem oxitocina", diz Paul Zak.

Há estudos que revelam que os gatos não gostam dos donos e este estudo, pelo menos, prova o contrário.

  • Biológicos nas escolas e nos telemóveis

    País

    O Governo vai criar o Dia Nacional da Alimentação Biológica e uma estratégia que passa por distribuir produtos biológicos nas escolas e criar uma aplicação móvel para os portugueses poderem localizar unidades de produção ou comercialização de produtos biológicos, segundo a Estratégia Nacional que será hoje apresentada.

  • Primeiro-ministro holandês liga a Costa para explicar palavras de Dijsselbloem
    2:23

    País

    António Costa pediu que Djisselbloem desaparecesse da Presidência do Eurogrupo. Após esta tomada de posição, o primeiro-ministro holandês ligou para Costa na semana passada a dar explicações. Contudo, o primeiro-ministro português não recua e volta a dizer que Dijsselbloem não tem condições para continuar, na sequência das declarações sobre copos e mulheres. Os eurodeputados do Partido Popular Europeu reforçaram também esta terça-feira o pedido de demissão.

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45

    País

    Há um surto de hepatite A em Portugal. Desde janeiro, 105 pessoas foram diagnosticadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, um número superior aos casos contabilizados em todo o país nos últimos 40 anos. O surto terá começado na Holanda e está a atingir quase toda a Europa.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Novo vídeo do Daesh mostra crianças a treinar para matar
    3:35
  • Kennedy acreditava que Hitler estava vivo

    Mundo

    Um diário de John F. Kennedy vai a leilão em Boston, nos Estados Unidos da América. O diário foi escrito durante a sua breve carreira como jornalista, depois da 2.ª Guerra Mundial. No livro, foram expostas algumas teorias do antigo Presidente norte-americano, como a possibilidade de Hitler estar vivo.

    Ana Rute Carvalho

  • Trump propõe cortes orçamentais para pagar muro

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos está a propor cortes de milhões de dólares no orçamento para que os contribuintes norte-americanos, e não o México, paguem o muro a construir na fronteira entre os dois países.

  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.