sicnot

Perfil

Mundo

Polícia holandesa treina águias para intercetar drones

A polícia holandesa está a treinar águias para intercetar drones ou aviões não tripulados que possam gerar incidentes de segurança ou serem usados por criminosos e terroristas.

ap

Esta iniciativa está a ser desenvolvida em colaboração com a agência antiterrorista e os Ministérios da Justiça e Defesa do país.

A polícia referiu num comunicado que no futuro esses aparelhos serão utilizados cada vez mais, aumentando também o número de incidentes.

Os drones também podem ser usados para fins criminosos, de acordo com a polícia holandesa.

A iniciativa, qualificada pela polícia como "pioneira no mundo", pretende preparar as aves para que possam abater os drones, sem que haja qualquer impacto ambiental.

Esta iniciativa ainda está em período de testes, mas, segundo o porta-voz do projeto, Marc Wiebes, há "possibilidades muito reais" de que se acabe por utilizar águias para intercetar drones de criminosos.

"Qualquer pessoa pode ter um drone e isto inclui pessoas que queiram dar-lhe um mau uso", declarou o porta-voz da polícia, Michel Baeten.

As águias identificam os drones como uma presa, agarram-nos e colocam-nos num lugar onde não haja outras aves ou seres humanos, declarou a polícia holandesa no comunicado.

Além dos pássaros, as forças de segurança da Holanda trabalham no uso de sistemas eletrónicos avançados para poderem tomar o controlo de um 'drone' remotamente e na programação de um avião não tripulado capaz de abater um aparelho inimigo, de acordo com a nota.

Lusa

  • Manuel Delgado demitiu-se devido a "grave violação da privacidade"

    País

    O ex-secretário de Estado da Saúde diz que apresentou a demissão para "não perturbar nem criar qualquer tipo de embaraço ao normal funcionamento do Governo". Num comunicado, Manuel Delgado esclarece que foi remunerado pelo trabalho de consultor na Raríssimas "muito antes" da entrada no Governo e acrescenta que respeitou na íntegra todo o quadro legal e ético.

  • O que vai mudar nos recibos verdes
    2:55

    Economia

    Os trabalhadores independentes vão descontar menos para a Segurança Social já no próximo ano. A taxa vai descer dos 29,6% por cento para os 21,4%. A descida será compensada por um aumento das contribuições pagas pelos patrões. Há também alterações em caso de desemprego e o subsídio de doença passa a ser pago ao fim de 10 dias em vez de 31.

  • Tripulantes da TAP acusam companhia de desrespeitar compromissos
    3:16

    Economia

    O Sindicato que representa os tripulantes da TAP acusa a empresa de estar a violar a lei. A companhia aérea portuguesa denunciou unilateralmente o acordo de empresa com os tripulantes e apresentou novas condições, que o sindicato considera indignas. Diz que os tripulantes fizeram esforços pela companhia no verão e que agora estão a ser desrespeitados.

  • Uma "Árvore da Esperança" pelas vítimas dos fogos
    2:01
  • Bebé nasce com coração fora do peito e sobrevive
    2:06
  • Zapatou volta a eleger os melhores vídeos da internet
    6:28