sicnot

Perfil

Mundo

Negociações de paz na Síria suspensas até 25 de fevereiro

O enviado das Nações Unidas para a Síria, Staffan de Mistura, anunciou hoje a suspensão até 25 de fevereiro das negociações sobre o conflito sírio, depois de as partes envolvidas não conseguirem entender-se para o início dos trabalhos.

© Bassam Khabieh / Reuters

"Ainda há trabalho a fazer, por todos os envolvidos" disse Staffan de Mistura depois de uma reunião de várias horas com representantes da oposição síria num hotel de Genebra.

O início formal das negociações mediadas pela ONU chegou a ser anunciado por de Mistura na terça-feira, mas os representantes da oposição e do regime do presidente sírio Bashar Al-Assad presentes em Genebra não chegaram a um entendimento mínimo para começarem as conversações.

"Já fixei uma data, 25 de fevereiro, para as próximas discussões. Disse desde o primeiro dia que não iniciaria negociações simplesmente para poder dizer que existem negociações e esta suspensão não significa nem o fim nem o fracasso do diálogo", disse o representante da ONU.

Staffan de Mistura adiantou que as duas partes mantêm a "intenção de dar início a um processo político" para a resolução do conflito na Síria, uma guerra civil sangrenta que se arrasta desde 2011 e já provocou pelo menos 260.000 mortos e mais de 13 milhões de deslocados.

Para além das profundas divergências entre as partes, a intensificação de bombardeamentos do regime de Al-Assad, com o apoio da Rússia, contra as forças da oposição nos dias que antecederam o esperado início das conversações impossibilitaram o diálogo.

Antes da data prevista para a retoma das conversações está prevista para 11 de fevereiro em Munique, na Alemanha, uma reunião do grupo de apoio à Síria, que integra cerca de 20 países, incluindo os principais apoiantes de Bashar Al-Assad, Irão e Rússia, e os apoiantes dos movimentos de oposição, como os Estados Unidos e a generalidade dos países ocidentais.

Lusa

  • A morte das sondagens foi ligeiramente exagerada

    Opinião

    Um atentado sem efeitos eleitorais, sondagens que acertaram em praticamente tudo, inexistência do chamado eleitorado envergonhado. E um candidato que se situa no centro político com fortíssimas hipóteses de vencer a segunda volta. As presidenciais francesas tiveram uma chuva de acontecimentos anormais, mas acabam por ser um choque de normalidade. Pelo menos até agora...

    Ricardo Costa

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Pj ainda não fez detenções relacionadas com atropelamento de adepto italiano
    1:52

    Desporto

    As autoridades policiais confirmaram à SIC que o atropelamento que fez este sábado uma vítima mortal, junto ao Estádio da Luz, não terá sido acidental. A Policia Judiciária já saberá quem foi o autor do atropelamento. O homem faria parte do grupo de adeptos do Benfica, que se envolveram em confrontos com adeptos do Sporting.