sicnot

Perfil

Mundo

Ataque talibã mata quatro soldados no Afeganistão

Pelo menos quatro soldados afgãos morreram hoje e outros 14 ficaram feridos num ataque suicida talibã com explosivos a um autocarro militar no norte do Afeganistão, segundo as autoridades locais.

© Mohammad Ismail / Reuters

O atentado ocorreu nas proximidades da base militar de Dehdadi, província de Balkh, para onde se dirigia o autocarro, procedente de Mazar-e-Sharif, explicou o porta-voz do governador da região, Munir Ahmad Farhad, à agência Efe.

Os talibãs reivindicaram o ataque, através de um porta-voz que assegurou que um dos seus "mártires" fez explodir um colete com bombas "no interior do autocarro".

O Afeganistão vive uma fase de violência desde finais de 2014, quando a NATO transferiu para as tropas afegãs a total responsabilidade pela segurança do país.

A missão da NATO no Afeganistão começou em 2001, na sequência da invasão dos EUA que derrubou o regime talibã.

Lusa

  • Economia portuguesa a crescer
    2:26
  • Os likes dos candidatos às autárquicas no Facebook
    4:00

    Autárquicas 2017

    Se há mais de 5 milhões de portugueses no Facebook, é natural que as autárquicas também passem pela rede social mais usada no país e no mundo. A SIC apresenta-lhe os 10 candidatos cujas páginas têm mais seguidores e, para a comparação ser mais justa, os que têm mais seguidores em Portugal - porque há também quem estranhamente tenha milhares de fãs em países como Egito, Filipinas ou Vietname.

  • Embaixador do Bangladesh pede ajuda aos portugueses no caso dos rohingya

    Mundo

    O embaixador do Bangladesh em Lisboa pediu esta sexta-feira aos portugueses que ajudem a resolver o problema dos rohingya. Desde o final de agosto, mais de 400 mil pessoas desta minoria muçulmana fugiram de Myanmar, a antiga Birmânia. O Bangladesh já tinha acolhido outros 400 mil refugiados e vê-se agora a braços com esta crise migratória. Pede por isso a Portugal que pressione Myanmar para aceitar de volta e em segurança os rohingya.