sicnot

Perfil

Mundo

Centenas de crocodilos sufocados em viagem de camião no México

Mais de 120 crocodilos morreram por aparente asfixia e esmagamento enquanto eram transportados no México, num camião, informaram as autoridades na quarta-feira.

(Arquivo)

(Arquivo)

© STRINGER Mexico / Reuters

A empresa Cocodrilos Exoticos, baseada no estado de Quintana Roo, pode enfrentar uma multa entre 50 a 50 mil dias de salário mínimo -- entre 171 e 171 mil euros -- segundo o gabinete do procurador ambiental.

Os 124 répteis faziam parte de um grupo de 350 crocodilos Morelet de outra quinta, a Cocodrilos Mexicanos, localizada no estado de Sinaloa.

Os inspetores descobriram que 124 dos 350 espécimes estavam mortos quando chegaram às instalações de conservação da vida selvagem "Cocodrilia", na cidade costeira de Chetumal. As duas cidades são separadas por 2.250 quilómetros.

Um comunicado indica que os crocodilos "presumivelmente morreram de asfixia e por terem sido esmagados durante a viagem".

Imagens divulgadas pela Procuradoria mexicana mostram um camião de grande dimensão e alguns crocodilos mortos no chão, incluindo um com o pescoço torcido.

A empresa é acusada de não garantir "um tratamento digno" aos animais, de acordo com as leis de proteção de espécies selvagens.

O parque Cocodrilia adquiriu cerca de 5.000 crocodilos da empresa Sinaloa.

Lusa

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.

  • 700 milhões para armamento e equipamento militar
    1:16

    País

    Portugal vai investir nos próximos anos 700 milhões de euros em armas e equipamento militar. Segundo a imprensa de hoje, o objetivo é colocar algumas áreas das Forças Armadas a um nível similar ao dos outros aliados da NATO. É o maior volume de programas de aquisição dos últimos anos e parte das verbas vão beneficiar a indústria portuguesa que fabrica aviões, navios-patrulha, rádios e sistemas de comando e controlo.

  • Princesa Diana morreu há 20 anos. Filhos falam pela 1ª vez da intimidade
    1:15