sicnot

Perfil

Mundo

ONU anuncia novas acusações de abuso sexual de menores por capacetes azuis

A ONU anunciou hoje quatro novas acusações de abuso sexual de menores por capacetes azuis procedentes da República Democrática do Congo (RDCongo) e destacados na República Centro-Africana.

Os alegados crimes ocorreram entre 2014 e 2015.

Os alegados crimes ocorreram entre 2014 e 2015.

© Siegfried Modola / Reuters

As vítimas, quatro menores de idade, residiam num acampamento para deslocados e os casos foram conhecidos depois de as Nações Unidas terem instado as populações locais a denunciar os factos, explicou em conferência de imprensa o porta-voz da ONU, Farhan Haq.

Os alegados crimes ocorreram entre 2014 e 2015 e a ONU está a trabalhar para garantir que as vítimas tenham acesso a assistência médica e psicológica, referiu o porta-voz.

Haq disse que a organização informou a RDCongo das acusações e pediu que confirme no prazo de dez dias se vai investigá-las. Caso contrário, a própria ONU realizará uma investigação, acrescentou.

A missão das Nações Unidas na República Centro-Africana (MINUSCA) teve conhecimento das denúncias no passado 11 de fevereiro através de agências humanitárias a trabalhar no terreno.

Este mês, a MINUSCA já tinha mandado repatriar 120 soldados da RDCongo e da República do Congo depois de ter tomado conhecimento de novos casos de abusos sexuais.

Nos últimos meses, a ONU recebeu dezenas de acusações de abuso de menores por parte de forças de paz destacadas naquele país africano, denúncias que levaram a organização a tomar medidas para tentar pôr termo a estes crimes e responder de forma adequada quando ocorrem.

Lusa

  • Manifestação contra resultados do partido alemão de Extrema-Direita
    0:39
  • Ciclista Peter Sagan tricampeão do mundo

    Desporto

    O eslovaco Peter Sagan deixou este domingo mais uma marca na história do ciclismo, ao sagrar-se campeão do mundo de fundo pela terceira vez consecutiva, uma proeza inédita para norueguês ver e lamentar.