sicnot

Perfil

Mundo

NASA lança telescópio espacial com vista cem vezes mais ampla que a do Huble

A agência espacial norte-americana NASA vai lançar um telescópio espacial com vista cem vezes mais ampla do que a do Huble, em meados da década de 2020, após o lançamento do James Webb em 2018.

© NASA NASA / Reuters

Depois de vários anos de estudos preparatórios, a NASA anunciou hoje em comunicado o início oficial da missão astrofísica do telescópio Wide Field Infrared Survey, que ajudará a desvendar os segredos do universo.

Espera-se que o telescópio contribua para resolver os mistérios da energia e da matéria negra, explorar a evolução do Cosmos, descobrir novos mundos além do sistema solar e avançar na pesquisa de mundos que possam ser aptos para a vida.

«Esta missão combina de maneira única a capacidade para descobrir e caracterizar planetas além do nosso sistema solar, com a sensibilidade e as óticas para ver com amplitude e profundidade o Universo em busca de resolver os mistérios da energia negra e da matéria negra», afirmou o astronauta e administrador associado do diretório de missões científicas da NASA, John Grunsfeld.

O novo observatório analisará amplas regiões do céu com raios de luz quase infravermelha, para responder às questões fundamentais sobre a estrutura e a evolução do Universo e aumentar o conhecimento dos planetas que estão além do sistema solar.

Comparando os dados dos vários instrumentos do observatório, os investigadores poderão entender melhor a física e a origem das atmosferas e procurar sinais químicos em ambientes aptos para a vida.

O lançamento do telescópio está previsto para meados da década de 2020. O observatório começará a funcionar depois de viajar até um ponto de equilíbrio gravitacional, conhecido como «Terra-Sol L2», que se encontra a mais de um milhão e meio de quilómetros da Terra, em direção oposta ao Sol.

Lusa

  • "Hoje vi chover lume"
    3:57
  • A Minha Outra Pátria
    29:53
  • Milhares de clientes da CGD vão pagar quase 5€/ mês por comissões de conta
    1:24

    Economia

    Milhares de clientes da Caixa Geral de Depósitos (CGD), que até aqui estavam isentos de qualquer pagamento, vão começar a pagar quase 5 euros por mês por comissões de conta. A medida abrange também reformados e pensionistas e entra em vigor já em setembro. Ainda assim, os clientes com mais de 65 anos e uma pensão inferior a 835 euros por mês continuam isentos.

  • O apelo da adolescente arrependida de ir lutar pelo Daesh

    Daesh

    Uma adolescente alemã que desapareceu da casa dos pais, no estado da Saxónia, esteve entre os vários militantes do Daesh detidos este fim de semana na cidade iraquiana de Mossul. Arrependida do rumo que deu à sua vida, deixou um apelo emocionado em que expressa, repetidamente, a vontade de "fugir" e voltar para casa.

    SIC