sicnot

Perfil

Mundo

Espanha e Marrocos detêm quatro jihadistas suspeitos de recrutar para Daesh

Quatro pessoas foram hoje detidas numa operação policial contra o terrorismo jihadista realizada pelas autoridades espanholas e marroquinas, três delas em Ceuta (Espanha) e a quarta em Nador (Marrocos).

Reuters Arquivo

Reuters Arquivo

© Rafael Marchante / Reuters

De acordo com o Ministério do Interior espanhol (Administração Interna), as detenções permitiram a "neutralização de uma célula de captação, doutrinamento e radicalização".

Os três detidos em Ceuta (território espanhol no Norte de África) são de nacionalidade espanhola enquanto o detido em Nador é marroquino. Todos eles se dedicavam a recrutar e enviar combatentes para a organização terrorista Daesh (auto-denominado Estado Islâmico) tanto na Síria como no Iraque.

Segundo as autoridades, também recrutavam elementos dispostos a organizar atentados em Espanha ou em Marrocos.

Com estas três detenções em Ceuta são já nove os detidos em Espanha este ano por alegado vínculo ao terrorismo jihadista.

A 07 de fevereiro, seis pessoas foram detidas nas províncias de Alicante, Valência e Ceuta, alegados membros de uma célula que enviava armas, material militar e dinheiro a organizações terroristas no Iraque e na Síria, como o Jahbat al Nusra e o Estado Islâmico. Faziam-no dissimulando o material em remessas de ajuda humanitária.

Lusa

  • O perfil do homicida de Barcelos
    2:42

    País

    Adelino Gomes Briote já tinha sido condenado por ofensas à integridade física da sogra e de uma filha. Em seis meses esta foi a segunda vez que o homem acusado do quádruplo homicídio em Barcelos esteve perante a justiça.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.

  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.

  • Guerra na Síria não dá tréguas
    1:51

    Mundo

    Na Síria e ao mesmo tempo que decorrem novas negociações de paz, a guerra não dá tréguas. As imagens mostram o resultados dos últimos raides aéreos nos subúrbios de Damasco. O balanço provisório é de mais de 30 mortos e pelo menos 50 feridos.