sicnot

Perfil

Mundo

WikiLeaks revela espionagem dos EUA a Netanyahu, Berlusconi e Ban Ki-moon

O portal WikiLeaks publicou novos documentos, na segunda-feira, que revelam espionagem por parte da Agência de Segurança Nacional dos EUA (NSA) a líderes mundiais, incluindo o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon.

No seu portal na Internet, a organização fundada por Julian Assange revelou que a NSA realizou escutas secretas num encontro entre Ban Ki-moon e a chanceler alemã, Angela Merkel, que já se sabia que tinha sido seguida pelos serviços de inteligência dos EUA noutras ocasiões.

A WikiLeaks também informou que uma conversa entre o primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, e o ex-primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi foi alvo de espionagem norte-americana, tal como sucedeu com um encontro entre altos responsáveis de comércio da União Europeia e do Japão, e uma reunião privada entre Berlusconi, Merkel e o ex-presidente francês Nicolas Sarkozy.

Segundo os documentos obtidos pela WikiLeaks, Merkel e Ban conversam sobre como lutar contra as alterações climáticas, Netanyahu pede a Berlusconi ajuda para lidar com a Administração dos EUA, encabeçada pelo Presidente Barack Obama, e Sarkozy alerta o ex-primeiro-ministro italiano sobre os perigos do sistema bancário do seu país.

"Será interessante ver a reação da ONU porque se o secretário-geral pode ser alvo [de espionagem dos Estados Unidos] sem qualquer consequência, então qualquer um, desde um líder mundial a um varredor, está em risco", disse Julian Assange.

Lusa

  • Reclusos que fugiram de Caxias tiveram cúmplices
    1:59

    País

    Uma falha de Portugal poderá explicar a libertação de um dos dois chilenos que fugiram de Caxias e foram apanhados em Espanha. As autoridades portuguesas atrasaram-se a enviar o mandado de detenção e a polícia espanhola libertou o fugitivo. Na investigação da fuga, acredita-se que os 3 reclusos tiveram cúmplices e a namorada de um deles já foi interrogada.

  • Jovem indiano acorda a caminho do próprio funeral

    Mundo

    Um jovem indiano chocou os seus parente e amigos, depois de acordar no caminho para o seu próprio funeral. No mês antes, Kumar Marewad foi levado para o hospital após ser mordido por um cão de rua, ficando em estado grave.

  • Bilhete de desculpas valeu uma bolsa de estudo

    Mundo

    Um jovem chinês ganhou uma bolsa de estudos no valor de 10 mil yuan (cerca de 1.380 euros), depois de danificar acidentalmente um carro de luxo. Isto, porque após os estragos, o jovem deixou um bilhete de desculpas ao dono, assim como todo o dinheiro que tinha com ele, como compensação.