sicnot

Perfil

Mundo

Nobel da Paz com número recorde de candidatos

O Nobel da Paz vai registar em 2016 um número recorde de 376 candidatos e que supera o anterior registo de 278 aspirantes ao prestigioso galardão verificado em 2014, informou o Comité Nobel norueguês.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Scanpix Norway / Reuters

Do total de candidaturas para a edição deste ano, 228 são indivíduos e 148 organizações.

De acordo com o testamento do magnata sueco Alfred Nobel, criador dos centenários prémios, podem ser nomeados ao galardão da Paz catedráticos de faculdades de Direito, História e Ciências Políticas, deputados, antigos laureados e membros de tribunais internacionais, entre outros.

O Comité Nobel limita-se a divulgar o número total de concorrentes, sem qualquer influência na sua designação.

Entre os aspirantes para 2016 incluem-se o candidato à nomeação presidencial pelo partido Republicano dos Estados Unidos Donald Trump, o papa Francisco, o Presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, o líder das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC), Timoleón Jiménez, o ex-analista informático da CIA Edward Snowden, e os habitantes e voluntários que ajudam os refugiados nas ilhas gregas.

Em 2015 o prémio foi atribuído ao Quarteto para o diálogo nacional na Tunísia, pelo seu envolvimento na construção de uma "democracia plural" neste país do Magrebe e que esteve na origem da designada 'Primavera árabe'.

O Nobel da Paz, que será anunciado em outubro à semelhança dos restantes galardões, é o único a ser entregue em Oslo e não em Estocolmo, por desejo expresso de Alfred Nobel.

Lusa

  • "Fiquei absolutamente perplexo com a escolha de Elina Fraga"
    0:43

    País

    Rogério Alves diz que ficou perplexo com a escolha de Elina Fraga para a vice-presidência do PSD. Em declarações à TSF e Diário de Notícias, o antigo bastonário da Ordem dos Advogados lembra as divergências com o governo de Passos Coelho, sobretudo em matérias de justiça.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de armas da PSP, três recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avançou este sábado que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07