sicnot

Perfil

Mundo

Central de Fukushima pede perdão por ter substimado desastre

O presidente da empresa proprietária da central nuclear de Fukushima, Naomi Hirose, pediu perdão aos japoneses pela resposta durante o desastre de 11 de março de 2011, que subestimou a gravidade da situação.

© Toru Hanai / Reuters

"É verdade que não seguimos o manual que especifica os indicadores-chave nas distintas fases de fusão do núcleo. Lamentamos muito", disse Naomi Hirose, diante de uma comissão parlamentar, em declarações reproduzidas hoje pelos meios de comunicação social.

No mês passado, a Tokyo Electric Power (TEPCO) admitiu que poder-se-ia ter determinado muito antes que estavam a produzir-se fusões nos núcleos dos reatores da central danificados pelo terramoto e tsunami de 11 de março de 2011.

Os compêndios sobre as operações da empresa detalham que uma fusão ocorre quando mais de 5% do núcleo de um reator ficou danificado.

Apesar de três dias depois do tsunami a empresa estar ciente de que os danos nas unidades 1 e 3 eram aproximadamente de 55 e 30 por cento, respetivamente, não falou, na altura, de "fusão" nem comunicou publicamente o perigo que tal representava.

A elétrica não reconheceu que houve uma fusão parcial dos núcleos até maio de 2011.

Face às palavras de Hirose -- que não era presidente da TEPCO aquando do acidente --, o ministro da Indústria japonês, Motoo Hayashi, instou-o a impulsionar uma investigação independente que aprofunde o que aconteceu durante as primeiras semanas que se seguiram à tragédia a fim de se evitar a ocorrência de um episódio de contornos semelhantes.

O terramoto de magnitude 9 na escala de Richter que sacudiu a costa nordeste do Japão a 11 de março de 2011 provocou um tsunami que atingiu a central de Fukushima e a deixou sem refrigeração, originando a fusão dos núcleos de três dos seus reatores.

As emissões e derrames radioativos resultantes traduziram-se no pior desastre nuclear desde o de Chernobil (Ucrânia) em 1986.

Milhares de pessoas que residiam nas imediações da central antes do acidente continuam ainda hoje sem poder regressar a casa.

Lusa

  • "Sempre nos disseram que bastava o Aves ganhar para estar na Liga Europa"
    0:34

    Desporto

    O Presidente da SAD do Desportivo das Aves garante que não houve esquecimento ou atraso na inscrição do clube na Liga Europa. Luiz Andrade afirma que sempre lhe disseram que bastava vencer a Taça de Portugal para marcar presença na competição e que ainda não sabe se o clube pode ou não jogar a fase de grupos da competição europeia.

  • "Fui violada por Harvey Weinstein aqui em Cannes"
    1:02

    Cultura

    A cerimónia de encerramento do Festival de Cinema de Cannes ficou ainda marcada pelo discurso de Asia Argento. A atriz italiana que acusou Harvey Weinstein de a ter violado justamente numa das edições do festival de Cannes, e que há mais abusadores à solta.

  • As primeiras imagens das quatro crias da lince Malva
    0:20
  • Exército sírio declara Damasco "totalmente segura"

    Mundo

    O exército sírio proclamou esta segunda-feira a capital Damasco e também os arredores, como locais "totalmente seguros". O anúncio foi feito em clima de festa, depois de os militares terem reconquistado os bairros do sul da cidade, até agora nas mãos do Daesh.