sicnot

Perfil

Mundo

Ex- presidente Collor de Mello deixa partido em solidariedade com Dilma

O ex-Presidente brasileiro Fernando Collor de Mello abandonou hoje o Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), pelo qual é senador, por discordar do apoio partidário à destituição da Presidente Dilma Rousseff.

© Ueslei Marcelino / Reuters

Collor de Mello, que é senador pelo estado de Alagoas, critica o rumo da formação de centro-esquerda, que apoiou no passado a Presidente, Dilma Rousseff.

A presidente do partido, Cristiane Brasil, passou a ser uma das principais apoiantes do processo de "impeachment" (processo de destituição) da atual chefe de Estado.

"Este governo acabou, não tem mais condições morais de continuar, e é preciso que o diretório nacional do PTB e sua bancada parlamentar estejam absolutamente unidas em favor do povo brasileiro", disse Cristiane Brasil.

Collor renunciou à Presidência do Brasil em 1992, depois de o Congresso brasileiro ter movido um processo de destituição, por suspeitas de corrupção.

Na sequência daquela ação, Collor de Mello ficou privado de direitos políticos durante oito anos, tendo regressado à cena política em 2002.

Lusa

  • Hoje joga Portugal (mas antes há um Uruguai-Rússia em direto na SIC)

    Mundial 2018 / O Mundial

    Começa a última jornada da fase de grupos do Mundial, com quatro jogos por dia. Às 15:00, numa partida transmitida em direto na SIC, a anfitriã Rússia e o Uruguai resolvem qual poderá ser o adversário de Portugal nos oitavos de final. Isto, dependendo claro da prestação da seleção nacional frente ao Irão, ao fim da tarde, uma vez que a qualificação não está garantida (e pode até depender do resultado do Espanha-Marrocos).

  • "Isto é a demagogia à solta"
    0:45

    Opinião

    Quem o diz é Luís Marques Mendes a propósito da aprovação esta semana da lei do CDS-PP que elimina o adicional do imposto sobre os combustíveis. O comentador da SIC critica a oposição por ter levado a votação uma lei inconstitucional e acusa ainda os parceiros de Governo de deslealdade. 

    Luís Marques Mendes

  • Comandante da Proteção Civil confiante nos meios de combate aos incêndios
    1:56

    País

    Depois das falhas apontadas ao sistema de comunicações SIRESP durante os incêndios do ano passado, o cComandante operacional da Proteção Civil diz que não há meios de comunicação infalíveis. Duarte Costa acredita que este verão será mais calmo do que anterior e contabiliza já mais de 2000 incêndios desde maio que não foram notícia.

  • Líderes europeus assinalam progressos para alcançar acordo sobre migrações
    2:02