sicnot

Perfil

Mundo

Detonadores encontrados em esconderijo de Abdeslam em Bruxelas

A polícia belga encontrou detonadores na operação da semana passada, na comuna de Forest, em Bruxelas, onde também estavam armas de guerra e carregadores, segundo a imprensa local.

LAURENT DUBRULE

Estes detonadores deveriam ser utilizados no fabrico de engenhos explosivos estavam escondidos na casa onde se refugiou Salah Abdeslam, acusado de envolvimento nos ataques de novembro em Paris.

A possibilidade de um novo atentado levado a cabo por Salah Abdeslam não foi comentada hoje pelo procurador federal da Bélgica, Frederic Van Leeuw, que, porém, notou que terroristas com armas não se preparavam para "fazer um piquenique".

Na terça-feira passada, numa busca de rotina, quatro agentes belgas e dois franceses dirigiram-se a uma casa em Forest e foram recebidos com tiros.

Na casa foram ainda encontrados livros e uma bandeira do grupo extremista Estado Islâmico (EI).

O ministro belga dos Negócios Estrangeiros, Didier Reynders, já tinha colocado a hipótese de estar a ser preparado um novo ataque terrorista.

Detido na sexta-feira, em Bruxelas, Abdeslam foi já formalmente acusado de homicídios terroristas e de participação em atividades organização terrorista.

Os atentados de 13 de novembro em Paris, reivindicados pelo EI mataram 130 pessoas e causaram mais de 300 feridos.

Lusa

  • Salah Abdeslam quer ser julgado na Bélgica
    1:31

    Ataques em Paris

    Salah Abdeslam já foi formalmente acusado pela justiça belga de homicídio terrorista. Também já se sabe que o suspeito dos atentados de Paris capturado na sexta-feira em Bruxelas vai recusar a extradição. Esta recusa pode atrasar o processo mas não impede a transferência do acusado para França já que Abdeslam era alvo de um mandado de detenção internacional.

  • Advogado de Abdeslam vai apresentar queixa contra procurador francês
    1:45

    Mundo

    O suspeito pelos atentados de Paris passou a primeira noite na prisão de alta segurança de Bruges, na Bélgica. Salah Abdeslam mantém a recusa em ser extraditado para França, garante que é um arrependido e que não participou nos ataques. O advogado de defesa vai apresentar queixa contra o procurador de Paris, que no sábado revelou à imprensa partes do interrogatório ao suspeito dos atentados de Paris.

  • Abdeslam estava a preparar ataques em Bruxelas
    1:45

    Mundo

    O governo belga diz que Salah Abdeslam preparava novos ataques em Bruxelas. O suspeito pelos atentados de Paris que mantém a recusa em ser extraditado para França é interrogado esta quarta-feira por um juiz. A primeira noite foi passada na prisão alta segurança de Bruges.

  • "Ataque terrorista" no centro de Barcelona

    Ataque em Barcelona

    Uma carrinha atropelou várias pessoas esta tarde em Barcelona, Espanha, na área turística de Las Ramblas. A polícia confirma oficialmente um morto e 32 feridos, mas outras fontes asseguram a existência de várias vítimas mortais. As autoridades falam de um "ataque terrorista" e revelaram a foto do suspeito.

    Direto

    SIC

  • Mação volta a enfrentar dias de pânico
    3:33
  • Fogo obrigou à evacuação de 6 aldeias do concelho do Sardoal
    1:56

    País

    O incêndio que chegou ao Sardoal obrigou à evacuação de seis aldeias. As pessoas foram encaminhadas para as instalações da Santa Casa da Misericórdia e vão regressando ao longo do dia de hoje. A A23 foi reaberta de madrugada, depois de ter estado várias horas cortada nos dois sentidos .

  • Ministra admite que a maioria dos incêndios começaram por mão humana
    1:57

    País

    A Ministra da Administração Interna admitiu esta quarta-feira que a maioria dos incêndios deste ano começaram por mão humana, mas Constança Urbano de Sousa entende que é cedo para tirar outras conclusões. Já o vice-presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Adelino Gomes, diz que não há duvidas e fala em terrorismo organizado. 

  • Sismo na região de Lisboa sentido num raio de 150km
    3:19