sicnot

Perfil

Mundo

CIA fotografa detidos nus e envia-os para serem torturados noutros países

A prática da CIA em despir os seus prisioneiros tornou-se conhecida com a publicação de uma investigação feita pelo Senado norte-americano sobre a tortura na era de George W. Bush. Agora ficou a saber-se que a CIA tira fotos dos prisioneiros nus antes de os enviar para outros países, onde vão ser torturados.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Reuters Photographer / Reuters

Segundo o The Guardian, a prática advém das detenções feitas pelos Estados Unidos após o 11 de setembro.

Não se sabe ao certo quantas pessoas foram apanhadas pela CIA e expostas a estas condições, mas sabe-se que existem cerca de 14 mil fotografias

Em algumas, os cativos aparecem vendados, amarrados, mostram hematomas visíveis e podem ver-se alegados membros dos serviços secretos norte-americanos ao lado dos detidos sem roupa.

De acordo com a CIA, as fotos serviam para isentar a agência de responsabilidades em quaisquer maus-tratos feitos às mãos de outras agências de informação.

No entanto, os especialistas em direitos humanos falam em humilhação sexual e o caso poderá vir a ser visto como um crime de guerra. A lei internacional dos direitos humanos proíbe que os presos sejam fotografados de maneira a comprometer a sua dignidade.

Uma investigação do Senado sobre a tortura na era de George W. Bush, publicada em 2014, expôs as formas de detenção e interrogatório utilizadas pela CIA.

Esta investigação revelou que a CIA tem como rotina despir os seus prisioneiros. Várias vezes a nudez ocorre juntamente com outros tipos de tortura, como algemar os prisioneiros ou deixá-los passar frio. Num destes casos, um prisioneiro acabou por morrer.

A CIA recusou comentar sobre o assunto.

  • DJ Avicii morre aos 28 anos

    Cultura

    Tim Bergling, conhecido por Avicii e um dos mais famosos DJ's do mundo, morreu aos 28 anos. A notícia foi avançada pelo site TMZ, que adianta que o DJ e produtor sueco foi encontrado morto esta sexta-feira em Muscat, em Omã, e os detalhes da morte ainda não são conhecidos.

    SIC

  • Avicii tinha deixado os palcos há 2 anos por motivos de saúde
    2:14
  • "Não andámos a tomar calmantes, nem a dar abracinhos"
    0:52

    Desporto

    Rui Vitória recusa atirar a toalha ao chão. O treinador do Benfica acredita que ainda muito pode acontecer e revela a motivação da equipa depois da derrota com o FC Porto na Luz, que levou à perda da liderança a quatro jornadas do fim.

  • "Se não querem que vos baixem as calças, não se tornem modelos"

    Mundo

    "Se não querem que vos baixem as calças, não se tornem modelos", esta foi apenas uma das declarações de Karl Lagerfeld sobre as denúncias de abuso sexual, que estão a marcar o mundo do cinema, da música e da moda. Numa entrevista, o diretor criativo da Chanel e da Fendi declarou mesmo que estava farto do #MeToo, o movimento usado para denunciar estes casos de abusos por todo o mundo.

    SIC

  • Viagem de balão para ver as cerejeiras em flor
    14:27
  • Portugal compromete-se a enviar profissionais de saúde para África
    2:39
  • EUA acusam Síria de tentar apagar provas de alegado ataque químico em Douma
    1:28
  • Já pode escolher uma morte amiga do ambiente

    Mundo

    Preocupa-se com o ambiente? Recicla? Prefere andar a pé ou partilhar transportes? Então saiba que a partir de agora a morte também pode ser amiga do ambiente. Desde caixões degradáveis de vime a cremação líquida, já é possível diminuir o impacto ambiental da morte.

    SIC

  • Karlie Kloss, o "anjo" que quer ensinar raparigas a programar
    2:59