sicnot

Perfil

Mundo

Brigada de contra-terrorismo da polícia alemã captura célula de extrema-direita

Uma brigada de contra-terrorismo da polícia alemã levou a cabo esta madrugada uma operação em que capturou cinco suspeitos da extrema-direita, acusados de atacar abrigos de refugiados e opositores, indicaram fontes do Ministério Público alemão.

Arquivo Reuters

Os suspeitos, quatro homens e uma mulher, foram acusados de pertencer a uma organização terrorista de extrema-direita denominada Grupo de Freital, a partir do nome de uma cidade no Leste da Alemanha que foi palco de protestos racistas com repercussões no país inteiro.

"De acordo com uma investigação preliminar, o grupo preparava-se para perpetrar ataques com explosivos a casas destinadas ao asilo de refugiados, assim como a casas de inimigos políticos", indicou num comunicado o gabinete do procurador federal, citado pela agência France Presse.

Segundo a mesma fonte, os suspeitos armazenaram centenas de bombas de fogo-de-artifício provenientes da República Checa, que pretendiam utilizar nos ataques.

Foi desta forma que foi executado um ataque a uma residência de refugiados em Freital em setembro de 2015. Os atacantes utilizaram bombas de fogo-de-artifício para rebentar os vidros de uma janela da cozinha da residência e "nenhum dos ocupantes foi ferido pelos estilhaços de vidro porque ninguém estava na cozinha nesse momento", indicou o gabinete do procurador.

Um segundo ataque atribuído ao mesmo grupo foi levado a cabo no mês seguinte, também com a utilização de fogo-de-artifício e também pedras, contra um edifício que alojava ativistas de esquerda.

O gabinete do procurador referenciou um terceiro caso em Freital em novembro do ano passado que provocou um ferido com estilhaços de vidro e a investigação prossegue agora no sentido de apurar se a mesma organização foi responsável por mais atos de violência.

Algumas cidades pequenas no estado da Saxónia no Leste da Alemanha, como Freital, ganharam ampla notoriedade em todo o país no ano passado, quando grupos de neo-nazis e residentes enfurecidos levaram a cabo vários atos de violência contra refugiados e contra a própria polícia.

A polícia federal alemã registou mais de 800 ataques contra abrigos de refugiados em 2015 em todo o país, que abriu as suas portas a quase 1,1 milhões de pessoas em busca de asilo no mesmo período. A maior parte destes ataques aconteceu no leste da Alemanha.

  • Carro que atropelou adepto encontrado na casa de um amigo do suspeito
    2:18

    Desporto

    O carro que terá atropelado o adepto italiano que morreu junto ao Estádio da Luz foi encontrado esta terça-feira, numa garagem na Amadora, na casa de um amigo do suspeito. Trata-se de um homem na casa dos 30 anos que pertence à claque No Name boys e é agora procurado pela Polícia Judiciária.

  • Os filhos do divórcio
    20:50
  • Será que lavar em lavandarias self-service compensa?
    8:21
  • A SIC foi dar uma volta de bicicleta

    País

    Há 90 anos, cerca de 40 ciclistas partiam do Marquês de Pombal, em Lisboa, para a primeira etapa da 1.ª Volta a Portugal de Bicicleta. Hoje, um grupo de investigadores repete o percurso, até Setúbal, dando início a uma viagem que pretende incentivar o uso da bicicleta como meio de transporte no dia-a-dia. Um jornalista da SIC segue no pelotão e pode acompanhar a viagem em direto no Facebook da SIC Notícias.

    SIC

  • Avião divergiu para as Lajes devido a discussão a bordo

    País

    Um avião da companhia aérea British Airways divergiu hoje para o aeroporto das Lajes, na ilha Terceira, nos Açores, devido a uma discussão a bordo entre um casal de passageiros e a tripulação, informou hoje a Força Aérea Portuguesa.

  • Web Summit inaugura primeiro escritório fora da Irlanda em Lisboa
    1:58

    Web Summit

    A Web Summit inaugurou em Lisboa o primeiro escritório fora da Irlanda, que vai dar emprego a 20 pessoas, algumas portuguesas. O próximo objectivo é alargar eventos a outros pontos do país. A conferência internacional regressa a Lisboa entre 6 e 9 de novembro e, a organização espera ter 60 mil participantes.

  • Ivanka Trump vaiada por defender o pai durante debate sobre igualdade de género
    1:51

    Mundo

    Com o propósito de criar pontes com Donald Trump, a chanceler alemã Angela Merkel convidou a filha mais velha do Presidente norte-americano para participar numa cimeira. No entanto as coisas não correram muito bem e Ivanka Trump foi vaiada pela audiência por ter defendido o pai quando o assunto era a igualdade de género. 

  • Irmã da mulher mais pesada do mundo acusa hospital de mentir

    Mundo

    A irmã da mulher egípcia que se acreditava ser a mais pesada do mundo acusou os médicos de mentirem acerca da sua perda de peso. No entanto, o hospital que realizou a cirurgia bariátrica já respondeu às acusações, defendendo que a mulher pesa agora 172 quilos.