sicnot

Perfil

Mundo

Elemento da Proteção Civil viaja para o Equador após sismo que provocou pelo menos 480 mortos

Um elemento da Proteção Civil viaja quarta-feira para o Equador para se juntar à equipa que vai coordenador a ajuda da União Europeia enviada para aquele país, informou hoje o Governo, em comunicado.

© Guillermo Granja / Reuters

O violento sismo que atingiu o Equador no sábado provocou pelo menos 480 mortos, enquanto 4.000 pessoas continuam dadas como desaparecidas três dias depois da tragédia, refere um novo balanço das autoridades equatorianas.

Segundo o comunicado do gabinete do secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes, Portugal vai enviar para o Equador, até ao final do mês, o adjunto de Operações Nacional da Autoridade Nacional de Proteção Civil Miguel Cruz.

A União Europeia anunciou segunda-feira a ativação do mecanismo europeu de Proteção Civil para ajudar o Equador.

A equipa de coordenação da União Europeia, integrada por quatro peritos, "vai recolher e coordenar toda a assistência" provenientes dos '28' e "promover a cooperação entre as organizações internacionais e os serviços de proteção civil daquele país", acrescenta o comunicado.

Lusa

  • Cinco mil trabalhadores da PT manifestaram-se em Lisboa
    3:55

    Economia

    Perto de cinco mil trabalhadores da PT manifestaram-se esta sexta-feira, em Lisboa. Os números são avançados pelos sindicatos. Os trabalhadores contestam a transferência de funcionários para empresas parceiras da Altice e outras empresas do grupo, sem as mesmas garantias e direitos. A Altice garante que as transferências são legais mas alguns funcionários já levaram o caso a tribunal.

  • Uma viagem aérea pela Lagoa Negra
    1:02
  • Videovigilância regista impacto de sismo na Grécia

    Mundo

    Um sismo de magnitude 6.7 atingiu na quinta-feira o mar Egeu e causou pelo menos dois mortos e mais de 200 feridos. O momento e o impacto causado pelo abalo foram registados através de uma câmara de videovigilância de um café, na ilha grega de Kos, um dos locais mais afetados.

  • Músico indiano toca guitarra durante cirurgia ao cérebro

    Mundo

    Abhishek Prasad foi submetido a uma cirurgia ao cérebro esta quinta-feira, num hospital na cidade indiana de Bangalore, após anos e anos a sofrer de dolorosos espasmos nas mãos. O insólito do caso foi que o músico indiano teve de tocar guitarra para ajudar os médicos durante a intervenção cirúrgica.