sicnot

Perfil

Mundo

Número de combatentes a entrarem no Iraque e na Síria desceu no último ano

O número de combatentes estrangeiros que entram no Iraque e na Síria desceu muito ao longo do último ano, disse hoje o general norte-americano Peter Gersten.

© Ammar Abdullah / Reuters

Falando a jornalistas no Pentágono, Gersten disse que quando chegou a Bagdad há cerca de um ano entre 1.500 e 2.000 combatentes estrangeiros juntavam-se mensalmente às fileiras do grupo extremista Estado Islâmico.

"Agora, após um ano a lutar contra este inimigo, as nossas estimativas diminuíram para 200 (por mês) e vemos atualmente um aumento na taxa de deserção destes combatentes", disse o general.

Cerca de 4.200 membros do Estado Islâmico foram mortos na Síria devido aos bombardeamentos da coligação internacional dirigida pelos Estados Unidos, que começaram há 19 meses, segundo dados divulgados no sábado pelo Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

O OSDH indicou que a maioria dos 4.195 combatentes mortos era de nacionalidade estrangeira.

O Observatório crê que o número de mortos nas fileiras dos grupos extremistas é superior à anunciada, devido ao apagão informativo imposto pelos "jihadistas" sobre as baixas nas suas formações.

Lusa

  • A morte das sondagens foi ligeiramente exagerada

    Opinião

    Um atentado sem efeitos eleitorais, sondagens que acertaram em praticamente tudo, inexistência do chamado eleitorado envergonhado. E um candidato que se situa no centro político com fortíssimas hipóteses de vencer a segunda volta. As presidenciais francesas tiveram uma chuva de acontecimentos anormais, mas acabam por ser um choque de normalidade. Pelo menos até agora...

    Ricardo Costa

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Pj ainda não fez detenções relacionadas com atropelamento de adepto italiano
    1:52

    Desporto

    As autoridades policiais confirmaram à SIC que o atropelamento que fez este sábado uma vítima mortal, junto ao Estádio da Luz, não terá sido acidental. A Policia Judiciária já saberá quem foi o autor do atropelamento. O homem faria parte do grupo de adeptos do Benfica, que se envolveram em confrontos com adeptos do Sporting.