sicnot

Perfil

Mundo

Governo em contacto com familiar da portuguesa morta na Alemanha

O Governo português está em contacto com um familiar da portuguesa de 43 anos que apareceu morta e com o "corpo desmembrado" em Leipzig, na Alemanha.

De acordo com a imprensa alemã, o corpo foi esquartejado e lançado ao rio. A polícia já confirmou tratar-se de um homicidio violento

De acordo com a imprensa alemã, o corpo foi esquartejado e lançado ao rio. A polícia já confirmou tratar-se de um homicidio violento

A imagem da mulher foi divulgada na rede social Twitter da rádio de Leipzig

A imagem da mulher foi divulgada na rede social Twitter da rádio de Leipzig

"A Secretaria de Estado das Comunidades está em contacto com um dos familiares em Portugal e presta todo o apoio necessário para trasladação do corpo assim que as autoridades alemãs concluírem as investigações em curso", disse à Lusa fonte oficial, acrescentando que ainda não há dados policiais sobre o caso.

Segundo a mesma fonte, a vítima era uma mulher, nascida em 1972 e natural de Lisboa, que se encontrava a viver na Alemanha para onde tinha emigrado na companhia do namorado, também de nacionalidade portuguesa.

"Ela estava dada como desaparecida desde o dia 9 de abril e foi encontrada morta e desmembrada", disse a fonte.

O assunto está a ser acompanhado em permanência pelos serviços consulares da embaixada de Portugal em Berlim.

As primeiras notícias sobre o caso foram difundidas pelo jornal alemão Bild.

O Bild noticiou que o corpo foi encontrado junto a um canal na quinta-feira passada, tendo os membros (braços e pernas) sido encontrados num outro local.

Ainda segundo a imprensa alemã, a portuguesa tinha emigrado para a Alemanha há cinco anos.

Lusa

  • Corpo de portuguesa esquartejado e lançado ao rio na Alemanha
    1:16

    Mundo

    Uma portuguesa de 43 anos foi assassinada na cidade de Leipzig, na Alemanha. De acordo com a imprensa alemã, o corpo foi esquartejado e lançado ao rio. A Polícia já confirmou tratar-se de um homicídio violento. O tronco do corpo terá sido encontrado na passada quinta-feira por um habitante local. As pernas e os braços só foram encontrados nos dias seguintes pelos mergulhadores da Polícia.

  • Marcelo e Costa unidos contra contagem do tempo integral de serviço
    2:45

    País

    Em menos de 24 horas, o Presidente da República e o primeiro-ministro deram publicamente sinais de que estão unidos contra a contagem de todo o tempo de serviço de professores e outros agentes do Estado para efeitos salariais. Marcelo Rebelo de Sousa e António Costa disseram que essa possibilidade é uma ilusão e que o país não tem condições para voltar aos níveis anteriores à crise.

  • Estudante português desaparecido no mar Báltico

    País

    Um jovem português de 21 anos desapareceu na segunda-feira, dia 13 de novembro, enquanto fazia uma viagem de cruzeiro entre a cidade finlandesa de Helsínquia e a capital da Suécia, Estocolmo. As autoridades locais fizeram buscas na madrugada em que Diogo Penalva caiu ao mar Báltico, por volta das duas da manhã.

  • Paris inaugura primeiro restaurante naturista

    Mundo

    Para entrar, é preciso retirar a roupa e apenas as mulheres podem permanecer calçadas. O primeiro restaurante naturista de Paris abriu em novembro para responder a uma necessidade em França, principal destino do mundo para os praticantes de nudismo.

  • Político indiano oferece 1,3 milhões por decapitação de atriz

    Mundo

    Deepika Padukone é uma das personagens principais do filme que retrata a relação entre uma rainha hindu e um governante muçulmano. O filme enfureceu um político do Governo indiano, que ofereceu 1,3 milhões de euros como recompensa a quem decapitasse a atriz. A polícia já destacou agentes para proteger a atriz, bem como a sua família.