sicnot

Perfil

Mundo

Polícia egípcia invade organização de jornalistas e detém dois repórteres

A polícia egípcia invadiu no domingo a sede de uma organização de jornalistas no centro do Cairo e deteve dois jornalistas por incitamento ao protesto, segundo fontes judiciais e o responsável pela associação.

© Mohamed Abd El Ghany / Reuter

"Foi a primeira vez que a polícia invadiu a sede da associação", disse à agência AFP Yahiya Kallash, acrescentando que os jornalistas Amr Badr e Mahmud el-Sakka foram detidos.

Uma fonte judicial disse que a dupla já tinha sido procurada pelo Ministério Público por alegadamente incitar ao protesto em violação da lei.

Amr Badr dirige o website Babawet Yanayer, que se opõe ao President Abdel Fattah al-Sisi.

Mahmud el-Sakka trabalha para a organização Saami, um nome que recorda os protestos de janeiro de 2011.

Na sexta-feira, Amr Badr tinha escrito na rede social Facebook que a polícia tinha invadido a sua casa e a de Mahmud el-Sakka.

Sakka tinha anunciado no Facebook planos para participar em abril num protesto contra a decisão do Governo de entregar à Arábia Saudita duas ilhas no Mar Vermelho.

Lusa

  • Kikas faz história
    1:22
  • Madonna está outra vez em Lisboa 😲
    0:59
  • Nove fatores que aumentam o risco de demência

    Mundo

    Um em cada três casos de demência podia ter sido evitado sem recorrer a medicamentos. Um estudo publicado na revista científica The Lancet explica como é possível evitar a demência e quais os fatores que contribuem para a doença.

  • Hindus pedem a troca de nome da cerveja brasileira Brahma

    Mundo

    Um grupo de hindus pediu a mudança da marca de cerveja Brahma, propriedade da multinacional cervejeira Anheuser-Busch InBev, com sede em Lovaina, na Bélgica, argumentando que é inapropriado uma bebida alcoólica ter o nome que um deus hindu.

  • Manuais oferecidos aos alunos do 1.º ano não podem ser reutilizados
    2:42

    País

    As escolas querem que sejam devolvidos aos alunos os manuais do 1.ºo ano que foram dados gratuitamente pelo Estado para serem reutilizados nos próximos anos. A Associação de Diretores de Agrupamentos diz que os livros estão praticamente todos em bom estado, mas da forma como são feitos pelas editoras é impossível voltar a usá-los. As escolas querem que o Executivo chegue a um entendimento com as editoras para conceber manuais reutilizáveis.

  • Portugal com 3.ª maior dívida pública da UE

    Economia

    A dívida pública recuou, em termos homólogos, na zona euro e na União Europeia (UE), no primeiro trimestre, tendo Portugal registado a terceira maior dos 28 (130,5%), depois da Grécia e de Itália, divulga hoje o Eurostat.