sicnot

Perfil

Mundo

Amnistia Internacional diz que condições de detenção no Iraque são "chocantes"

A organização não-governamental (ONG) Amnistia Internacional (AI) indicou hoje que as autoridades iraquianas mantêm sob detenção em condições extremas alegados suspeitos de terrorismo por todo o país, sem capacidade para processar os casos.

Detido vota numa prisão em Bagdade para as eleições legislativas de abril de 2014.

Detido vota numa prisão em Bagdade para as eleições legislativas de abril de 2014.

© Ahmed Jadallah / Reuters

Uma delegação do grupo de defesa dos direitos humanos, incluindo o secretário-geral da AI, Salil Shetty, visitou no sábado um centro de detenção em Amriyat al-Faluja, na zona ocidental de Bagdad.

"Visitámos um centro de detenção em Amriyat al-Faluja... onde encontrámos 700 pessoas, alegadamente suspeitos de terrorismo, confinadas há meses no local", disse Shetty, em Bagdade.

"As condições sob as quais são mantidos são chocantes, há uma pessoa por aproximadamente um metro quadrado, sem lugar para se deitar (...) as latrinas estão no mesmo espaço e eles recebem muito pouca comida", afirmou.

Donatella Rovera, assessora da AI para respostas a crises, afirmou que o centro - gerido pelas forças antiterroristas iraquianas - tem apenas quatro investigadores para analisar todos os casos.

Amriyat al-Faluja situa-se na província ocidental de Anbar, onde as forças de segurança combatem o grupo extremista Estado Islâmico (EI) desde 2014.

As operações militares levaram ao deslocamento de um elevado número de civis na províncias. Milhares de homens sunitas foram detidos sob suspeita de atividades terroristas e mantidos sem qualquer comunicação com o exterior.

"Nenhum foi formalmente acusado. Eles ficam detidos durante meses porque as autoridades locais não tem qualquer capacidade para investigar estes casos", disse Shetty.

"As próprias autoridades afirmam não saber como a maioria destas pessoas acabaram neste centro de detenção e pensam que a maior parte deles é inocente", acrescentou.

A delegação da AI indicou desconhecer a existência deste centro de detenção ou dos 700 homens ali detidos.

"É um sintoma de um problema maior porque estivemos com 700 deles, mas há muitos, muitos mais lugares destes por todo o país", declarou Shetty.

"É realmente um mau exemplo de como o sistema judiciário não funciona no país", disse.

A AI defende que o fortalecimento do sistema judiciário devia ser uma das prioridades no Iraque, onde violações diárias dos direitos humanos continuam impunes.

Lusa

  • Presidente do Tondela diz que clube foi humilhado
    1:26

    Desporto

    O presidente do Tondela participou esta segunda-feira na conferência de imprensa após o jogo da 23.ª jornada da I Liga com o Sporting. Gilberto Coimbra criticou o árbitro do encontro João Capela, e diz que o tempo de compensação dado a mais foi por uma falta que não foi assinalada sobre um jogador do Tondela, Bruno Monteiro.

  • Último golo do Sporting ao Tondela "é legal e limpinho" 
    0:41

    Desporto

    Jorge Jesus entende que a vitória desta segunda-feira do Sporting frente ao Tondela não merece contestação e destaca o facto de o árbitro ter avisado os jogadores que iria prolongar o tempo extra. Para o treinador dos leões, o golo no minuto 99' é legal. 

  • Deputados pedem medidas urgentes para travar exploração de urânio junto à fronteira
    3:06

    País

    Um projeto de exploração de urânio no município de Retortilho em Salamanca, a cerca de 40 quilómetros da fronteira portuguesa, está a causar preocupação nos dois países. Portugueses e espanhóis temem o risco de contaminação por via aérea e fluvial. Deputados portugueses visitaram o local, onde pediram medidas firmas e urgentes ao Governo para travar o projeto. As autoridades de Espanha não acionaram o mecanismo de avaliação ambiental partilhada.

  • Mulher enterrada viva no Brasil
    1:13

    Mundo

    Uma mulher de 37 anos terá sido enterrada viva no oeste da Bahia, no Brasil. A certidão de óbito aponta um choque séptico como a causa da morte, mas os ferimentos com que foi encontrada no interior do caixão indicam um possível erro. Os moradores de casas vizinhas do cemitério municipal onde Rosângela dos Santos foi enterrada ouviram gritos vindos do túmulo.

  • "Os Estados Unidos são uma sociedade de pistoleiros"
    3:47
  • Trump desafia Oprah a candidatar-se para ser derrotada

    Mundo

    Apesar de Oprah Winfrey ter excluído uma eventual candidatura às eleições presidenciais dos Estados Unidos da América, Donald Trump ainda não se esqueceu dos rumores e desafiou a apresentadora a candidatar-se em 2020. Através do Twitter, o Presidente norte-americano disse ainda que assim poderia ser "exposta e derrotada como todos os outros".

    SIC