sicnot

Perfil

Mundo

Dois membros da NATO morrem em ataque no Afeganistão

Pelo menos dois membros da missão da NATO no Afeganistão e dois agressores com uniformes militares morreram hoje num ataque reivindicado pelos talibãs, numa base em Kandahar, avançam fontes oficiais.

© Ahmad Masood / Reuters

"Dois membros ao serviço do Apoio Decidido (missão da NATO) morreram esta manhã quando dois indivíduos que vestiam uniformes das Forças de Segurança e Defesa Nacional Afegãs (ANDSF, na sigla inglesa) abriram fogo", indica um comunicado da NATO.

O ataque aconteceu "num recinto das ANDSF no sul do Afeganistão", diz a nota.

"Os membros do Apoio Decidido responderam aos disparos e mataram os atiradores", informa a NATO.

A missão aliada e as forças afegãs estão a investigar o incidente, que não consideram "representativo da positiva relação entre ambas".

A NATO não especificou a nacionalidade dos membros da missão que morreram.

O porta-voz do governador da província de Kandahar, Samim Khpalwak, disse à Efe que o ataque aconteceu no complexo do aeroporto internacional da capital provincial, com o mesmo nome, que inclui instalações militares e policiais.

Fonte do exército da província afegã, que pediu anonimato, disse à Efe que os atacantes eram da polícia afegã.

O porta-voz dos talibãs, Zabiullah Mujahid, reivindicou o ataque através de uma mensagem no Twitter, em que assegurou que "um soldado infiltrado matou quatro invasores dos Estados Unidos-NATO na base área de Kandahar".

Os talibãs lançaram, no mês passado, a chamada 'ofensiva de primavera', anunciando ataques "de grande escala" contra os seus inimigos, as forças afegãs e internacionais destacados no país.

Lusa

  • Primeiro-ministro admite que retatório sobre Tancos possa ser "fabricado"
    2:06

    País

    O primeiro-ministro garante que o relatório divulgado pelo expresso sobre o desaparecimento de armas em Tancos não é de nenhum organismo oficial e admite até que possa ser fabricado. Costa critica ainda o líder do PSD por comentado uma notícia que não confirmou. As Forças Armadas também negaram a existência de qualquer relatório sobre Tancos que o Expresso reafirma existir e ser verdadeiro.

  • Primeiro-ministro admite que retatório sobre Tancos possa ser "fabricado"
    2:06

    País

    O primeiro-ministro garante que o relatório divulgado pelo expresso sobre o desaparecimento de armas em Tancos não é de nenhum organismo oficial e admite até que possa ser fabricado. Costa critica ainda o líder do PSD por comentado uma notícia que não confirmou. As Forças Armadas também negaram a existência de qualquer relatório sobre Tancos que o Expresso reafirma existir e ser verdadeiro.

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Irão lança míssil de médio alcance
    1:13

    Mundo

    Três dias depois do discurso hostil de Donald Trump nas Nações Unidas, o Irão testou um novo míssil de médio alcance que atingiu uma altura de dois mil quilómetros. Teerão diz que o teste não viola o acordo nuclear.

  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.