sicnot

Perfil

Mundo

Coluna humanitária impedida de entrar na cidade sitiada de Daraya na Síria

Uma coluna de ajuda humanitária foi hoje impedida de entrar em Daraya, cidade controlada pelas forças rebeldes a sudoeste da capital síria, Damasco, que está cercada pelo exército sírio, divulgou o Comité Internacional da Cruz Vermelha (CICR).

© Stringer . / Reuters

"Infelizmente, a nossa coluna de ajuda em colaboração com as Nações Unidas e o Crescente Vermelho Árabe Sírio (SARC, organização federada com a Cruz Vermelha) viu negada a entrada em Daraya, apesar de uma autorização prévia de todas as partes", escreveu o CICR na rede social Twitter.

"Insistimos com as autoridades responsáveis para que nos autorizem o acesso a Daraya para que possamos regressar com os alimentos e medicamentos que são desesperadamente necessários", acrescentou a organização, na mesma mensagem.

Horas antes desta publicação no Twitter, o Comité Internacional da Cruz Vermelha tinha anunciado que a cidade sitiada de Daraya ia receber a primeira ajuda humanitária em quatro anos.

"Esta é a primeira coluna humanitária para esta cidade nos subúrbios de Damasco desde que começou o cerco em novembro de 2012", disse então o porta-voz da Cruz Vermelha, Pawel Krzysiek.

Segundo a informação divulgada, cinco camiões organizados pelo Comité Internacional da Cruz Vermelha, pelas Nações Unidas e pelo Crescente Vermelho Árabe Sírio ia entregar leite infantil, medicamentos e artigos escolares.

A representante do CICR na Síria, Marianne Gasser, que integrava a coluna humanitária, descreveu a recusa de acesso como trágico.

"As comunidades de Daraya têm necessidade de tudo, e é trágico que até os bens básicos que estávamos a transportar estão a ser atrasados desnecessariamente", disse a representante.

"Daraya tem sido um local de combates implacáveis durante mais de três anos e meio, e sabemos que a situação é desesperada", afirmou Marianne Gasser.

Antes do início da guerra na Síria, a população de Daraya rondava os 80 mil habitantes. Ao longo dos últimos cincos anos, a população caiu em quase 90% e as pessoas que ainda permanecem na cidade sofrem de grandes carências e de subnutrição.

As Nações Unidas afirmam que mais de 486 mil pessoas vivem em zonas sitiadas na Síria, mais de metade em áreas cercadas pelas forças do regime sírio.

O conflito sírio já matou mais de 270 mil pessoas e fez milhões de deslocados desde o seu início em março de 2011.

Lusa

  • Quem deve ser o próximo treinador do FC Porto?

    Desporto

    Nuno Espírito Santo já não é treinador do FC Porto. O técnico e o clube chegaram a acordo mútuo para a rescisão do contrato, que o ligava por mais uma temporada aos dragões. Nuno Pinto da Costa tem agora que encontrar um novo treinador para orientar dos "dragões". Os nomes em cima da mesa são vários. Diga-nos quem deve ser o novo treinador do FC Porto.

  • Os treinadores do FC Porto desde o último título 

    Desporto

    Nunca o FC Porto esteve quatro anos consecutivos sem ganhar um título durante a presidência de Nuno Pinto da Costa. A ausência de vitórias teve início na época de 2013/14, quando começou uma autêntica dança de treinadores.

  • Julgamento do caso BPN deverá terminar quarta-feira
    4:38

    Economia

    O acórdão do processo principal do BPN vai ser tornado público esta quarta-feira, depois de quase sete anos de audições. O rosto principal é o de José Oliveira Costa mas há outros 14 arguidos sentados no banco dos réus.

  • "Michel Temer nunca teve vergonha, não tem cara de pessoa de bem"
    3:04

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou no habitual espaço de comentário do Jornal da Noite  da SIC, o escândalo com o Presidente do Brasil, Michael Temer. O comentador diz que já era previsível que Temer fosse apanhado com "o pé na poça" e afirma que o Presidente brasileiro nunca teve qualquer tipo de vergonha. Miguel Sousa Tavares fez ainda referência ao facto de Dilma Rousseff ser, entre todos os políticos brasileiros, a única que não tem processos contra ela.

    Miguel Sousa Tavares

  • Divulgado vídeo dos bambardeamentos contra o Daesh no Iraque
    0:42
  • Leão-marinho arrasta criança de doca em Vancouver
    0:51

    Mundo

    O momento em que um leão-marinho arrasta uma menina para a água foi gravado e publicado na internet. Sem nada que fizesse prever, o animal puxou a criança que estava sentada numa doca em Vancouver, no Canadá. A criança foi resgatada de imediato por um familiar e apesar do susto não sofreu ferimentos. O momento de aflição foi testemunhado por vários turistas.