sicnot

Perfil

Mundo

Casos de espionagem na Rússia, nos EUA e em Israel

ENTREVISTA SIC NOTÍCIAS

Casos de espionagem na Rússia, nos EUA e em Israel

A história do espião português que foi apanhado a tentar vender documentos confidenciais aos serviços secretos russos voltou a levantar a discussão sobre a espionagem entre países. O assunto foi o mote para a conversa com jornalistas habituados a histórias de serviços secretos e espiões. José Milhazes, Luís Costa Ribas e Henrique Cymerman falam sobre os possíveis motivos que levaram o português a enveredar pela espionagem, qual seria o destino final dos documentos e ainda sobre vários casos nos países em que trabalham.

  • Histórias de espionagem dos últimos anos
    2:34

    Mundo

    As histórias de espiões e de espionagem são regularmente notícia e não envolvem apenas a Rússia e os Estados Unidos.Também há espiões portugueses, sem ser o agente do SIS recentemente descoberto. A SIC recorda quatro estórias de espionagem que deram que falar nos últimos anos. Uma das mais conhecidas é a de Sabrina Sousa, operacional da CIA, detida no ano passado.

  • Detenção de espião é motivo de humor nas redes sociais

    País

    A notícia do espião português preso em Itália a tentar passar documentação confidencial a um agente dos serviços secretos russos está a dar que falar nas redes socias. Alguns internautas aproveitaram-se do assunto para fazer humor. No twitter surgiu a hashtag #osrussosqueriamsaber e a partir daí surgiram uma série de frases.

  • Espião português detido em Itália vendia documentos a agente do antigo KGB
    2:13

    País

    Um inspetor do Serviço de Informações de Segurança foi detido por vender documentos classificados a um agente dos serviços secretos russos. A detenção ocorreu em Itália e foi feita em conjunto pela Polícia Judiciária e a polícia italiana. O espião é suspeito dos crimes de violação de segredo de estado, espionagem e corrupção. O agente dos serviços secretos russos também foi detido pelas autoridades. A PJ seguia Frederico Carvalhão Gil há vários meses e sabe-se que era um dos funcionários mais antigos do SIS.

  • Espião português apanhado a vender segredos à Rússia
    1:22

    País

    Um inspector do SIS foi detido em flagrante, em Itália, quando vendia documentos classificados a um agente dos serviços secretos russos. A Polícia Judiciária e o Ministério Público contaram com a colaboração da polícia italiana. O inspetor é um dos mais antigos funcionários do SIS e analista de documentos com acessos privilegiados. Esta operação conhecida por "Top Secret" surgiu de uma denúncia do secretário-geral das secretas.

  • Centro comercial em Manchester evacuado

    Mundo

    Um centro comercial foi evacuado esta manhã, no centro de Manchester. Testemunhas dizem ter ouvido um "grande estrondo". O incidente acontece horas depois do ataque na Manchester Arena, no final da atuação da cantora Ariana Grande, no qual morreram pelo menos 22 pessoas. O espaço comercial em Manchester foi entretanto reaberto. A polícia começou a retirar o cordão de segurança, pouco tempo depois de ser dado o alerta. Uma pessoa foi detida.

  • Dois em cada três idosos em Portugal são sedentários

    País

    É a camada da população mais inativa e com comportamentos que revelam um estilo de vida menos saudável, segundo um estudo divulgado hoje, que analisou os dados de mais de 10.600 portugueses representativos da população, entre os quais mais de 2.300 pessoas com mais de 65 anos.

  • "Michel Temer nunca teve vergonha, não tem cara de pessoa de bem"
    3:04

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou no habitual espaço de comentário do Jornal da Noite  da SIC, o escândalo com o Presidente do Brasil, Michael Temer. O comentador diz que já era previsível que Temer fosse apanhado com "o pé na poça" e afirma que o Presidente brasileiro nunca teve qualquer tipo de vergonha. Miguel Sousa Tavares fez ainda referência ao facto de Dilma Rousseff ser, entre todos os políticos brasileiros, a única que não tem processos contra ela.

    Miguel Sousa Tavares

  • Julgamento do caso BPN deverá terminar quarta-feira
    4:38

    Economia

    O acórdão do processo principal do BPN vai ser tornado público esta quarta-feira, depois de quase sete anos de audições. O rosto principal é o de José Oliveira Costa mas há outros 14 arguidos sentados no banco dos réus.