sicnot

Perfil

Mundo

França autoriza tansferência de esperma para inseminação post mortem

O Conselho de Estado francês decidiu hoje a favor de uma viúva espanhola, permitindo a transferência para Espanha do esperma congelado do marido, que morreu no ano passado, para inseminação post mortem, uma prática proibida na França.

(Arquivo/Reuters)

(Arquivo/Reuters)

© Regis Duvignau / Reuters

O supremo tribunal de justiça administrativo comunicou hoje que ordena a tomada "de todas as medidas necessárias para permitir a exportação dos gâmetas para a Espanha".

Aurélie Bretonneau, conselheira de Estado, estava a favor desde o início do processo, dada a "situação excecional" e o órgão judicial adotou a mesma posição.

Não permitir a transferência seria um "atentado manifestamente excessivo ao direito e respeito pela vida privada e familiar" de Marianna Gonzalez-Gomez-Turri , comunicou o Conselho do Estado.

Um dos advogados da viúva manifestou o seu agrado: "Estamos extremamente satisfeitos com a decisão. Queremos a transferência dos gâmetas no prazo mais curto e nas melhores condições possíveis", disse David Simhon.

A espanhola e o seu marido italiano moravam em Paris.

O marido de Marianna tinha cancro e mandou congelar gâmetas porque a quimioterapia que ia fazer o iria deixar estéril. Acabou por morrer em julho de 2015.

Marianna Gonzalez-Gomez-Turri recorreu a outro tribunal para pedir a transferência do esperma congelado para Espanha, onde a inseminação post mortem é legal ao fim de um ano da morte, mas viu o seu pedido ser rejeitado.

Lusa

  • Vala comum com 6 mil corpos em Mossul
    1:43
  • À redescoberta da Madeira, 16 anos depois
    1:59
  • A menina que os pais queriam chamar "Allah"

    Mundo

    ZalyKha Graceful Lorraina Allah tem 22 meses, anda não sabe ler nem escrever mas já está no centro de um processo judicial contra o Estado da Georgia, nos EUA. Os pais, Elizabeth Handy e Bilal Walk, apoiados por uma ONG, exigem na justiça que o nome seja reconhecido na certidão de nascimento para que a criança possa ser inscrita na escola, na segurança social ou nos registos e notoriado. O casal já tem um filho de 3 anos que se chama Masterful Mosirah Aly Allah.

  • Acidentes em falésias matam 94 pescadores lúdicos

    País

    Mais de 90 pescadores lúdicos morreram nos últimos 19 anos e 137 ficaram feridos em 252 acidentes registados em zona rochosa ou em falésia, a maioria na zona de Lagos, Faro, segundo dados da Autoridade Marítima Nacional.

  • Partidos querem eleições a 1 de outubro
    1:35

    País

    A data para as próximas eleições autárquicas já gerou consenso. 1 de outubro é a data pedida pelos vários partidos ouvidos esta segunda-feira por António Costa. Na próxima quinta-feira, no Conselho de Ministros, o dia de ir às urnas vai ser escolhido.