sicnot

Perfil

Mundo

Manifestação da oposição no Quénia resulta em duas mortes

Duas pessoas morreram e 60 ficaram feridas em Kisumu, no oeste do Quénia, quando a polícia dispersou uma manifestação da oposição que exigia a dissolução da comissão eleitoral, após o fracasso de negociações com o governo.

© Stringer . / Reuters

Testemunhas citadas por agências internacionais disseram que os dois homens mortos apresentavam ferimentos de bala.

O chefe da polícia local, Joseph Boinnet, assegurou que o tiroteio "foi alvo de inquérito".

O primeiro corpo foi colocado por jovens à frente da morgue de um hospital da localidade, como forma de protesto. O segundo corpo foi colocado no centro de uma estrada enquanto manifestantes e polícia se envolviam em confrontos.

Várias lojas foram pilhadas durante os confrontos, em que a polícia utilizou canhões de água, gás lacrimogénio e tiros de advertência para dispersar grupos de manifestantes que atiravam pedras.

Pelo menos 60 pessoas ficaram feridas nos confrontos, tendo 20 sido hospitalizadas por ferimentos de balas ou objetos cortantes, indicou o médico Ojwang Lusi, diretor dos serviços de saúde no condado de Kisumu.

Segundo os testemunhos, uma criança de cinco anos está entre os feridos por balas.

Partidos da oposição queniana e organizações da sociedade civil têm organizado manifestações contra a comissão eleitoral por todo o país.

A oposição acusa a comissão de ser parcial a favor do Presidente, Uhuru Kenyatta, e de não ser capaz de garantir a equidade da eleição presidencial em agosto de 2017, que deverá opor o atual presidente, ao líder da oposição, Raila Odinga.

Lusa

  • Confirmada prisão dos portugueses que gravaram nome no portão de Auschwitz

    Mundo

    Dois adolescentes católicos portugueses foram condenados a um ano de prisão com pena suspensa, por terem gravado os nomes na porta da entrada principal de Auschwitz-Birkenau. O tribunal de primeira instância de Oswiecim já tinha condenado os jovens e o tribunal de Cracóvia confirmou esta quarta-feira a pena aplicada.

  • Temer pode cair menos de um ano depois da queda de Dilma
    3:06
  • Imagens do resgate de crianças feridas num bombardeamento na Síria
    2:00

    Mundo

    Os Estados Unidos acusam o regime sírio de estar a preparar um novo ataque químico e avisam Bashar al-Assad que vai pagar caro se o concretizar. No terreno, os ataques aéreos continuam a fazer vítimas civis. Da periferia de Damasco chegam imagens dramáticas do resgate de duas crianças feridas num bombardeamento.

  • Quem é a mulher que diz ser filha de Salvador Dalí

    Cultura

    Maria Pilar Abel Martínez nasceu em 1956 e será o alegado fruto de um caso entre a sua mãe e Salvador Dalí. Um tribunal de Madrid ordenou a exumação do cadáver do pintor e a obtenção de amostras, de modo a determinar se a mulher espanhola é mesmo filha de Dalí.