sicnot

Perfil

Mundo

Berlusconi hospitalizado para exames após sofrer insuficiência cardíaca

O ex-primeiro ministro italiano Silvio Berlusconi deu hoje entrada no hospital de San Raffaele, de Milão (norte de Itália), para submeter-se a alguns exames depois de ter sofrido uma insuficiência cardíaca há alguns dias.

reuters

Berlusconi, que irá fazer 80 anos em setembro, já tinha programado a sua hospitalização antes de sofrer esta insuficiência, segundo explicaram fontes do seu partido, Forza Itália, à imprensa italiana.

O médico pessoal do ex-Presidente, Anberto Zangrillo, assegurou que "o diagnóstico definitivo e o seu tratamento" será conhecido nos próximos dias.

Os meios de comunicação italianos explicam que, por agora, não se preveem intervenções cirúrgicas.

Berlusconi foi operado ao coração em 2006, no Heart Center de Cleveland, em Ohio, nos Estados Unidos da América.

A operação decorreu após o líder político italiano ter desmaiado e passado dois dias num hospital de Milão, depois de lhe ter sido detetada uma leve arritmia cardíaca.

Nessa ocasião foi explicado que Berlusconi tinha sido submetido a "uma intervenção de cirurgia cardíaca necessária para a correção de um transtorno do ritmo".

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22