sicnot

Perfil

Mundo

Mais de metade dos refugiados chegados à Alemanha em 2016 não tinha documentos

Cerca de 80% dos refugiados que chegaram à Alemanha entre janeiro e abril deste ano não tinha passaporte, noticiou hoje o diário Bild, com base num relatório da polícia.

reuters

Dos 114.255 refugiados interditos pelas forças de segurança na fronteira, mais de metade - cerca de 91.000 - não tinha documentos, diz o relatório.

Entre janeiro e março, as autoridades registaram 1.306 passaportes falsificados, sendo que 145 eram de sírios.

No entanto, em 2015, o número de documentos falsificados foi quatro vezes maior - 4.973. Pertenciam a cidadãos sírios 834 desses passaportes.

Por outro lado, entre janeiro e abril deste ano, das 4.233 pessoas que entraram em território alemão, havia refugiados que tinham mandado de busca ou outros motivos para a sua detenção ou para evitar a entrada no país.

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.