sicnot

Perfil

Mundo

Tailândia é 1º país da Ásia a erradicar transmissão de VIH de mãe para filho

A Tailândia tornou-se o primeiro país da região da Ásia-Pacífico a erradicar a transmissão do VIH e da sífilis de mãe para filho, anunciou a Organização Mundial da Saúde (OMS).

reuters

A OMS também reconheceu o país asiático como o primeiro com um grande número de casos que consegue o que a organização classificou como "um marco extraordinário" e "um passo crucial para reduzir a epidemia do VIH".

"A Tailândia mostrou ao mundo que o VIH pode ser derrotado", disse o diretor regional para o Sudeste Asiático da OMS, Poonam Khetrapal Singh, em comunicado.

Cerca de 21 mil crianças nascem a cada ano com o VIH a Ásia-Pacífico, onde há 200 mil menores afetados.

Segundo a OMS, mulheres infectadas com VIH têm entre 15% e 45% de possibilidades de transmitir o vírus aos seus filhos durante a gravidez, parto ou amamantação, mas o risco diminui para 1% se durante estes períodos lhes forem aplicados antirretrovirais.

Segundo o ministério da Saúde tailandês, 98% das mulheres com VIH têm acesso a antirretrovirais, e a transmissão do vírus de mãe para filhos caiu para menos de 2%.

As autoridades tailandesas estimam que, no ano 2000, mil crianças foram infectadas, número que em 2015 diminuiu 90%, para 85 casos em todo o país, onde 450 mil viviam com este vírus em 2014.

Além de conter a transmissão do VIH entre mãe-filho, as autoridades do país asiático também conseguiram reduzir o número de mulheres infectadas com o vírus que, entre 2000 e 2014, passou de 15 mil novos casos a 1,9 mil, uma queda de 87%.

  • Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas
    1:40

    Economia

    Carlos Moedas diz que Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas a propósito da saída do procedimento por défice excessivo. Em entrevista ao Diário de Notícias e à TSF, o comissário europeu levanta dúvidas sobre a renegociação da dívida e garante que a escolha de Mário Centeno para a liderança do Eurogrupo vai depender do entendimento dos países do euro.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Polícia usa gás lacrimogéneo para dispersar manifestantes contra cimeira do G7
    2:28

    Mundo

    A cimeira do G7 terminou este sábado com confrontos entre manifestantes e a polícia na ilha italiana da Sicília e sem o compromisso de Donald Trump sobre o Acordo de Paris para a redução de emissões de dióxido de carbono. O Presidente dos EUA fez saber na rede social Twitter que vai tomar a decisão final durante a próxima semana.