sicnot

Perfil

Mundo

Polícia Filipina matou mais de 20 alegados traficantes de droga em duas semanas

A polícia das Filipinas revelou que matou mais de 20 alegados traficantes de droga nas últimas duas semanas em todo o país, encorajada pelo discurso do Presidente eleito, Rodrigo Duterte, noticia hoje a agência AFP.

© Romeo Ranoco / Reuters

Na capital, Manila, polícias armados têm ainda feito operações noturnas, durante as quais têm sido detidas centenas de pessoas e interpeladas crianças sozinhas ou adultos alcoolizados, segundo a AFP.

Rodrigo Duterte ganhou as presidenciais de maio com um discurso securitário e polémico, focado na alegada ameaça de o país estar à beira de se transformar num narco-estado. Entre outras coisas, prometeu que milhares de criminosos serão abatidos.

O Presidente eleito instou as forças de segurança a começarem a agir antes mesmo da sua tomada de posse, agendada para 30 de junho, e prometeu recompensas aos polícias.

Depois da vitória nas eleições, Duterte anunciou que vai instaurar o recolher obrigatório noturno para as crianças e que vai proibir, durante a noite, a venda de álcool e o karaoke, extremamente popular no país.

A polícia de Manila tem demonstrado zelo na aplicação destas diretrizes e centenas de pessoas foram detidas nas últimas semanas.

Os agentes falam mesmo em "operação Rody", acrónimo do 'slogan' "rid the streets of drinkers and youths" ("tirar das ruas bebedores e jovens") e que ao mesmo tempo é o diminutivo por que é tratado Rodrigo Duterte.

O Presidente eleito avisou, por outro lado, os pais culpados "de abandono" de que serão detidos e os filhos entregues a serviços sociais.

Lusa

  • As IPSS são estruturantes no país. Fazem o que Estado não faz porque não pode, não quer, ou não chega a tudo. Chama-se sociedade civil a funcionar. E o Estado subsidia, ajuda, (com)participa, apoia. Nada contra. A questão é quando as IPSS e outras instituições, fundações, associações, federações e quejandas se tornam verdadeiras "indústrias".

    Pedro Cruz

  • O ano "saboroso" de António Costa
    0:51

    País

    António Costa diz que 2017 foi um ano "saboroso" para Portugal. Num encontro com funcionários portugueses, em Bruxelas, antes do Conselho Europeu desta quinta-feira, o primeiro-ministro realçou o que o país conquistou no último ano, no plano europeu, e que culminou com a eleição de Mário Centeno para a Presidência do Eurogrupo.

  • Lince ibérico esteve à venda no OLX

    País

    Um anúncio de venda de um lince ibérico, por 1.500 euros, foi publicado esta semana no site de classificados OLX, com uma morada de Alcoutim, no Algarve. A autenticidade da publicação não foi confirmada, mas em setembro foi encontrada a coleira de um lince ibérico precisamente em Alcoutim. As autoridades estão a investigar.

    SIC

  • Estabilização dos solos nas áreas ardidas
    1:58

    País

    Está a começar uma intervenção de emergência para estabilizar os solos nas áreas ardidas nos incêndios florestais. O trabalho das equipas que estão no terreno arrancou na zona da Lousã mas vai passar por vários concelhos como Pampilhosa da Serra e Vila Real.