sicnot

Perfil

Mundo

Papa reconhece o martírio de 115 pessoas assassinadas na Guerra Civil Espanhola

O papa Francisco assinou hoje um decreto que reconhece o martírio de 115 espanhóis assassinados na Guerra Civil espanhola (1936-1939).

© Tony Gentile / Reuters

O gabinete de imprensa do Vaticano anunciou que foi aprovado o "decreto do martírio" de José Álvarez-Benavides de la Torre e de outros 114 companheiros assassinados por "odio e fé" entre 1936 e 1938.

O decreto foi assinado pelo papa durante uma reunião hoje com o cardeal Angelo Amato, prefeito da Congregação para as Causas dos Santos.

Álvarez-Benavides, professor catedrático de teologia, nasceu em Málaga em 1865 e morreu em 1936 em Almeria, onde era reitor da catedral.

Na mesma ocasião, foram reconhecidas as "virtudes heroicas" do padre Vicente Garrido Pastor, sacerdote da diocese e fundador do Instituto Secular de las Obreras de la Cruz, que nasceu em Valência em 1896 e morreu em 1975.

O papa também aprovou as "virtudes heroicas" de Maria Elisea Oliver Molina, fundadora da Congregação das Irmãs da Virgem Maria do Monte Carmelo, nascida em 1869 e morta em 1931.

O padre Vicente e Maria Elisea são agora considerados "veneráveis". A declaração das virtudes heroicas é o primeiro passo na beatificação de personalidades, que passam a ser motivo de culto dos crentes.

Para a beatificação, deve ser aprovado um milagre da ação do homenageado e para a passagem para Santo, é necessário um segundo milagre.

Lusa

  • Santana diz que Marcelo por vezes faz de conta que é primeiro-ministro
    1:12

    País

    Santana Lopes diz que a expectativa que Passos Coelho criou sobre o mau desempenho do Governo se está a virar-se contra ele. Numa entrevista ao jornal Expresso deste sábado, o ex-primeiro-ministro e ex-presidente da Câmara Municipal de Lisboa considera contudo que Passos Coelho ainda poderá ganhar as próximas eleições. Sobre Marcelo, o atual provedor da Santa Casa da Misericórdia diz que por vezes faz de conta que é o primeiro-ministro.

  • Coala do Zoo de Duisburg viaja para Lisboa 

    País

    A SIC acompanhou, em exclusivo, a transferência de uma coala do Zoo de Duisburg, na Alemanha, para o Jardim Zoológico de Lisboa. O animal foi transportado pela TAP e batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Uma reportagem para ver mais logo no Jornal da Noite da SIC.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Caravana com cinzas de Fidel chega este sábado a Santiago de Cuba
    2:01
  • Obama diz que Guterres "tem uma reputação extraordinária"
    1:38

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar com Barack Obama e também com Donald Trump, na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido por Obama, na Casa Branca, onde recebeu vários elogios do presidente norte-americano.

  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.