sicnot

Perfil

Mundo

Oito baleias-piloto mortas entre dezenas encalhadas na Indonésia

GALERIA DE FOTOS

Cerca de três dezenas de baleias-piloto encalharam na Indonésia e oito delas morreram, informaram as autoridades, dando conta de uma operação de salvamento em grande escala na costa da ilha de Java.

© Antara Photo Agency / Reuters

© Antara Photo Agency / Reuters

© Antara Photo Agency / Reuters

© Antara Photo Agency / Reuters

© Antara Photo Agency / Reuters

© Antara Photo Agency / Reuters

Trinta e duas baleias-piloto deram à costa durante a maré alta na madrugada de quarta-feira, em Probolinggo, na província do leste de Java.

"No início eram apenas uma ou duas baleias a nadar perto da costa, e a natureza das baleias é que se elas estão doentes vêm para a costa", disse à AFP Dedy Isfandi, chefe do gabinete local relativo aos assuntos marítimos e das pescas.

O mesmo responsável acrescentou que as baleias-piloto têm um forte sistema de coesão e que normalmente se aproximam da que está doente de forma a tentar auxiliá-las a regressar para o mar. "Mas quando a maré baixou, elas ficaram encalhadas", disse Isfandi.

Centenas de pescadores e funcionários do Governo tentaram levar as baleias-piloto para o mar durante a noite, mas durante a manhã oito voltaram para a costa e morreram, segundo Isfandi.

Cerca de 23 baleias-piloto estavam já no alto mar, enquanto outra, desorientada, foi acompanhada por equipas de resgate para se certificarem de que não voltava para a costa.

As equipas de resgate utilizaram lonas para envolver os animais encalhados e levá-los de volta para o mar, enquanto os nadadores mergulharam na água para conduzir as restantes baleias para fora da área.

Veterinários e cientistas realizaram autópsias nos animais mortos para investigar a razão pela qual tinham ficado encalhados.

Responsáveis das pescas afirmaram que a situação pode ter ocorrido devido à turbulência das águas no oceano Índico. Outra hipótese considerada é a possibilidade de as baleias-piloto terem comido algo envenenado.

Ao longo da última década, baleias e orcas têm sido encontradas encalhadas na área, afirmou Isfandi.

O grupo União Internacional para a Conservação da Natureza disse que não havia dados suficientes para classificar o risco de extinção das baleias-piloto de barbatana curta, que se encontram em águas temperadas e tropicais.

Apesar do nome, as baleias-piloto são da família dos golfinhos. As fêmeas podem chegar aos quatro metros e os machos aos sete metros de comprimento.

Lusa

  • Não há risco de colapso do viaduto de Alcântara
    1:35

    País

    O desvio de um pilar do viaduto de Alcântara obrigou esta quarta-feira ao corte do trânsito e da circulação de comboios da linha de Cascais. O estrago terá sido provocado por um camião que embateu na estrutura durante a noite. A circulação ferroviária foi retomada a meio da manhã, mas o viaduto só será reaberto esta quinta-feira.

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vitima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Túmulo de Jesus Cristo restaurado

    Mundo

    Após 10 meses de obras de restauro, o túmulo onde Jesus Cristo terá sido sepultado foi esta quarta-feira revelado numa cerimónia na igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.